100% português

Esqueça Pedro e o Lobo, conheça a Wolf & Rita

315

Não é mentira: a Wolf & Rita é uma marca nacional de roupa para crianças que em dois anos já tem quase 100 pontos de venda espalhados pelo mundo. Na nova coleção, deu ainda um salto ao Rio de Janeiro.

© Wolf & Rita / Carlos Lobo

Histórias infantis com lobos há várias, mas esta não é uma história infantil, e este não é um lobo qualquer. Em pouco mais de dois anos, a Wolf & Rita chegou aos cabides do Japão, Estados Unidos, Austrália, China, Coreia do Sul e Europa, e chegou porque decidiu inventar um nome internacional para acompanhar uma estratégia de olhos postos lá fora, um “wolf” que bem podia dizer: para que são estas letras? Para vender melhor.

“O nosso lema é ‘buy local, produce local, sell internationally‘”, diz Cláudia Rocha, que lançou a marca juntamente com a irmã, Sónia — o Wolf vem do marido e fotógrafo das campanhas, Carlos Lobo –, no momento em que ambas foram trabalhar para a empresa de produção de camisas do pai, em Guimarães, e perceberam que “o mercado de roupa de criança era fascinante pois permitia abordagens menos clássicas”. Basta olhar para a nova coleção de Primavera-Verão, “The Kids from Ipanema”, para perceber o que as atraiu: com clara inspiração no Brasil tropical e na Bossa Nova, há saias e camisolas que parecem ter sido salpicadas de tinta e calças que podiam estar penduradas em árvores da Amazónia que estariam camufladas.

“A nossa equipa criativa concebe e desenha todos os padrões”, diz Cláudia, e é tudo feito em Guimarães. De volta ao lema, primeiros dois terços (buy local, produce local): “Valorizamos o que é nosso e queremos dar a conhecer a qualidade dos produtos portugueses. Portugal tem ótimos fornecedores de tecidos, ótimos fornecedores de acessórios, mão-de-obra qualificada, ou seja, todo o know-how necessário, por isso nunca colocámos a hipótese de produzir fora de Portugal”, diz Cláudia, explicando de seguida a terceira parte, sell internationally — “Ao criar uma marca temos que pensar necessariamente em exportar, pois o mercado nacional seria insuficiente para sustentar a Wolf & Rita. Para além disso, acreditamos que o tipo de peças que propomos tem mais procura internacionalmente, embora o mercado português tenha todo o potencial para crescer. Ainda somos clássicos no que respeita a vestir os nossos filhos, mas já se notam novas tendências e a procura de produtos diferentes.”

Na marca de Guimarães que conta já com 94 pontos de venda — sendo que apenas dois são nacionais — não há folhinhos, “folharecos” nem lacinhos ou cores pastel. Há padrões divertidos onde tanto se encontram carros como malaguetas, uma espécie de casamento perfeito entre ilustração e design que já foi elogiado nas páginas da revista francesa Milk, especializada em moda infantil. Também há camisas que apetece roubar ao roupeiro dos miúdos se não parecessem ter sido lavadas na máquina a 90 graus, sinal de que foi cumprido um dos objetivos da marca: “criar roupas de criança que os adultos também queiram usar”.

Nome: Wolf & Rita
Data: 2012
Pontos de venda: Loja DadaMenina Manel.
Preço: 23€-80€

100% português é uma rubrica dedicada a marcas nacionais que achamos que tem de conhecer.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: adferreira@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site