Presidente Trump

Casa Branca revela que Trump pagou 38 milhões de euros em impostos… em 2005

A Casa Branca revelou na terça-feira que o Presidente dos EUA, Donald Trump, pagou 38 milhões de dólares em impostos federais em 2005 sobre rendimentos superiores a 150 milhões.

Trump recusou-se a divulgar as suas declarações de impostos durante a campanha eleitoral para as presidenciais norte-americanas do ano passado, quebrando uma tradição de décadas nos EUA

Olivier Douliery / POOL/EPA

A Casa Branca revelou esta terça-feira que o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pagou 38 milhões de dólares em impostos federais em 2005 sobre rendimentos superiores a 150 milhões, segundo a sua declaração fiscal daquele ano. A informação foi disponibilizada depois de a jornalista Rachel Maddow, do canal de televisão MSNBC, ter divulgado que obteve parte da declaração fiscal de 2005 do Presidente, preparando-se para discutir o documento num programa na terça-feira à noite.

Trump recusou-se a divulgar as suas declarações de impostos durante a campanha eleitoral para as presidenciais norte-americanas do ano passado, quebrando uma tradição de décadas nos EUA. O agora Presidente dos EUA justificou a recusa dizendo que estava a ser alvo de uma auditoria pelo IRS (Internal Revenue Service) e que tinha sido aconselhado pelos seus advogados a não divulgar a informação. Especialistas e funcionários do IRS disseram, porém, que as auditorias não impedem os contribuintes de divulgar os seus rendimentos.

Antecipando-se ao programa de Maddow, a Casa Branca disse que publicar os rendimentos do Presidente seria ilegal. “Sabes que estás desesperado por audiências quando estás disposto a violar a lei e avançar com uma história sobre duas páginas de declaração de impostos de há mais de uma década”, disse a Casa Branca, num comunicado.

A divulgação não autorizada de uma declaração de impostos federal é crime, mas Maddow argumentou que a MSNBC estava a fazer valer o seu direito, ao abrigo da Primeira Emenda, de publicar informação em nome do interesse público.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site