Logo Observador
Startups

Upframe. Startup Lisboa lança programa para estudantes e recém-licenciados

312

Há 18 vagas para jovens "com uma mentalidade aberta, muita ambição e motivação" que se queiram lançar num projeto novo com efeitos à escala global. Candidaturas abriram esta segunda-feira.

O Upframe quer ajudar estudantes e recém-licenciados a dar os primeiros passos no mundo do empreendedorismo

Pixabay

Autor
  • Cristiana Faria Moreira

Chama-se Upframe e quer “ligar aspirantes a empreendedores a mentores, startups, incubadoras e aceleradoras, de forma a otimizar recursos muitas vezes valiosos e que normalmente são desperdiçados”. Quem o diz é Malik Piara, 19 anos, um dos criadores do programa de pré-aceleração, que se dirige a estudantes universitários e recém-licenciados, e que arranca em abril, na Startup Lisboa. As candidaturas começaram esta segunda-feira e decorrem até 7 de abril.

Sei, por experiência própria, que nós, jovens, temos muitas ideias, mas não as ferramentas base para fazer arrancar um negócio”, considerou Malik Piara, justificando assim a criação do programa de pré-aceleração.

O Upframe, que nasceu como Startup Playground, um programa piloto lançado em outubro do ano passado, surge, assim, para ajudar estudantes de diferentes áreas a dar “os primeiros passos no mundo do empreendedorismo e a desenvolver soluções com uma componente digital para problemas com efeitos à escala global”, pode ler-se em comunicado.

Para isso foi desenhado um programa de 30 horas de formação intensiva em áreas como marketing, produto, design, desenvolvimento do negócio, interação com clientes e vendas, dirigido aos 18 jovens com “mentalidade aberta, muita ambição e motivação” que forem selecionados.

Somos muitas vezes contactados por jovens que estão a considerar criar o seu próprio negócio após a faculdade, mas não sabem por onde começar e precisam de ferramentas e orientação para poder iniciar o seu percurso. A Upframe, que está sediada na Startup Lisboa, pareceu-nos um parceiro ideal para promover uma pré-aceleração intensiva que poderá, com a ajuda de empreendedores com experiência, ajudar muitos desses jovens a mais tarde criarem a sua empresa. Esta é também a nossa forma de ajudar o ecossistema a crescer e promover cada vez mais projetos de qualidade”, explicou Miguel Fontes, líder da Startup Lisboa.

Além das horas de formação, os jovens terão acesso a sessões orientadas por mentores como Inês Santos Silva (Startup Pirates), Paulo Gonçalves (atualmente na Uniplaces, depois de já ter passado pela Spotify), Colin Gillinghan (Tesla) e ainda de empresas como a Seedrs ou Talkdesk.

Para a inscrição não é necessário ter um projeto pré-definido e não são aceites candidaturas de equipas já formadas. O programa vai decorrer nas instalações da Startup Lisboa, na Rua da Prata, de 19 de abril a 27 de maio. A primeira edição do Upframe terá o custo de 150 euros (90 euros para candidaturas feitas até 1 de abril).

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Terrorismo

Um homem, um gesto

Laurinda Alves

Fernando Álvarez fez sozinho o minuto de silêncio e humanamente ganhou em toda a linha. Harry Athwal, que permaneceu ajoelhado ao lado do rapazinho, deu um testemunho admirável de coragem e humanidade