Logo Observador
George Clooney

George Clooney dá recompensa choruda aos vizinhos por incómodo com obras

O ator George Clooney tem a mansão em obras e, segundo a imprensa internacional, deu aos vizinhos uma recompensa bastante choruda pelo incómodo: 52 mil euros.

Uma viagem, 35 mil euros e, ainda, uma casa alugada enquanto as obras continuam. Quem não quer vizinhos assim?

O casal George e Amal Clooney, que aguardam o nascimento de gémeos, têm a mansão de Berkshire, Inglaterra, em obras. E foram bastante amáveis com os seus vizinhos: 52 mil euros de ‘recompensa’ pelo incómodo causado pelas obras. Parece que o casal quer criar uma boa relação com os que os rodeiam, conta o The Sun.

Os 52 mil euros terão sido oferecidos ao casal vizinho, John Grove, de 58 anos, e Clare Grove, de 49, como forma de desculpa pelo barulho. Mas o valor não foi apenas em dinheiro. Ou melhor: 35 mil euros em dinheiro e, o restante, numa viagem com direito a estadia num hotel de luxo, durante seis semanas, nas ilhas Corfu, Grécia. E mais: o casal Clooney alugou uma propriedade para que os vizinhos se alojem enquanto as obras continuam.

Estas obras começaram em 2015 e duram há mais de um ano. A construção incluía um cinema de 12 lugares, piscina e ainda um campo de ténis. Uma fonte, citada pelo Daily Mail, afirma que o casal Clooney tem feito muito pela comunidade, desde que se mudou para lá, acrescentando ainda que esta ‘recompensa’ para com o casal Grove foi uma forma “incrivelmente generosa” de compensar pelos incómodos causados.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Comida

Gastronomia com Ciência

Hélio Loureiro

Uma das práticas e pontos chaves da dieta mediterrânica é o comer em família, partilhar, conviver. A própria palavra, comer tem esse mesmo significado: com (na companhia de...) e er (repetição).

Família

O cabanão (segunda crónica estival)

Maria João Avillez
129

Mas a quem preocupa hoje o esmorecimento do modelo tradicional familiar se ele é propagado como tendo passado de moda, saído de linha, estar “descontinuado”?

Educação

O Filipa e a escola pública

Maria José Melo

Portugal só será realmente um país civilizado quando existir consciência cívica por parte de todos os cidadãos. Foi esta visão que adquiri no Liceu D. Filipa de Lencastre e me acompanhou toda a vida.