Logo Observador
Tech Auto

Audi vai (mesmo) à Lua. Mas antes passa pelo cinema

A marca germânica anda a trabalhar, desde 2015, num veículo para a exploração espacial. O Audi lunar quattro está quase pronto para uma missão real, mas antes pode ser visto num cinema perto de si.

“Alien: Covenant” estreia-se em Portugal a 18 de Maio. O filme, que marca o regresso de Ridley Scott ao universo “Alien” conta com um actor improvável: o Audi lunar quattro, que assim faz a sua primeira aparição cinematográfica, e logo numa película de ficção científica. Este veículo resulta de uma colaboração, iniciada em 2015, entre a marca dos quatro anéis e a startup, também alemã, Part-Time Scientists.

Mas, antes da realidade, um pouco de ficção. Em mais uma sequela da saga “Alien”, a tripulação da nave colonizadora Covenant, que viaja com destino a um planeta remoto situado no extremo da galáxia, descobre o que eles começam por considerar um paraíso inexplorado. Ainda que, na verdade, seja um mundo obscuro e perigoso. A missão do Audi lunar quattro, como parte integrante da Covenant, é ajudar Faris (Amy Seimetz) a navegar e a avaliar o desafiante e desconhecido terreno de um novo planeta.

“Integrar o Audi lunar quattro no filme insere-se no âmbito de uma parceria entre a Twentieth Century Fox e a Audi. A saga ‘Alien’ é perfeita para despertar o interesse no veículo lunar desenvolvido pela Audi e para mostrar as tecnologias inteligentes da marca num ambiente visionário”, comenta o vice-presidente internacional de Marketing e Comunicação da Audi, Giovanni Perosino.

Por seu turno, o vice-presidente de Marketing e Patrocínios Twentieth Century Fox, Zachary Eller, sublinha as vantagens desta colaboração, destacando que esta não só permite colocar em evidência “o trabalho inovador que a Audi está a fazer no domínio da exploração espacial”, como também conferiu aos cineastas a possibilidade de “integrar tecnologia de ponta real no seu mundo futurista”.

Fruto desta colaboração, a Twentieth Century Fox fez uma curta-metragem, em que o Audi lunar quattro surge a patrulhar um navio. O veículo detecta uma forma de vida não identificada e prepara-se para investigar:

Ficção à parte, segundo o comunicado emitido pela marca germânica, o Audi lunar quattro está pronto para uma verdadeira ida à Lua. De há dois anos a esta parte, a marca dos quatro anéis tem vindo a trabalhar com uma equipa liderada por Robert Böhme, fundador e CEO da Part-Time Scientists, no desenvolvimento do rover lunar. Os técnicos da Audi têm contribuído, entre outros aspectos, com o conhecimento que detêm em termos de sistemas de tracção integral (tecnologia quattro), construção leve, e desenvolvimento de veículos com motores eléctricos ou híbridos plug-in (e-tron).

Resultado? Conforme a nota enviada à imprensa, a escolha dos melhores materiais permitiu reduzir em 30 kg o peso de veículo lunar, com 85% deste a ser em alumínio – material que ganha forma recorrendo à tecnologia de impressão de metal em 3D. Um painel solar giratório fornece energia ao rover que, além do mais, conta com o sistema quattro e com um motor e-tron.

A ida à Lua já esteve mais longe, garante a Audi, anunciando que esta missão está prestes a cumprir-se. Num futuro muito próximo. Mas, para já, aventuras espaciais só na grande tela.

Pesquisa de carros novos

Filtre por marca, modelo, preço, potência e muitas outras caraterísticas, para encontrar o seu carro novo perfeito.

Pesquisa de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt