Logo Observador
Maternidade

Maternidades de Coimbra disponibilizam cartão de cidadão para os recém-nascidos

184

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra anunciou ser possível aos pais pedirem o Cartão de Cidadão para o recém-nascido nas maternidades Daniel de Matos e Bissaya Barreto.

ADI WEDA/EPA

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) anunciou esta quinta-feira já ser possível aos pais pedirem o Cartão de Cidadão para o recém-nascido nas maternidades Daniel de Matos e Bissaya Barreto, no âmbito do projeto Nascer Cidadão.

O projeto já permitia aos pais “declararem o nascimento de filho recém-nascido em balcão de atendimento do registo civil instalado nas maternidades dos hospitais” de Coimbra, explica.

Agora, passou também “a disponibilizar a possibilidade de, em ato imediato à elaboração do registo de nascimento”, pedir nas maternidades o cartão de cidadão para o recém-nascido, acrescenta.

Segundo o CHUC, tal é possível devido ao “novo circuito de comunicação entre os balcões de atendimento do Nascer Cidadão instalados recentemente” nas duas maternidades e os serviços centrais do Ministério da Justiça.

As duas maternidades foram também dotadas de um novo equipamento informático com câmara fotográfica que “passou a permitir a recolha da fotografia do recém-nascido, o que constitui uma enorme mais-valia e contribui de forma considerável para a simplificação da vida dos cidadãos”, sublinha.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Maternidade

O hat-trick de CR7

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
2.500

Que é uma mulher que aluga a sua barriga senão uma ‘proletária’, no sentido próprio do termo?! E que é o ‘pai’ do filho encomendado, senão um capitalista explorador?

Incêndios

Eu vivi um fogo. E vi quem são os heróis

Fernando Leal da Costa

Foi então que os vi. Os populares, como se lhes chama tantas vezes, montados em tratores e pick-ups equipados com depósitos e mangueiras. Chegam e, sem medo, atiram-se ao monstro que crepita fagulhas.