Logo Observador
Papa em Fátima

Papa. Câmara de Pombal propõe percurso alternativo a peregrinos

O município de Pombal propõe a quem ruma a pé ao santuário de Fátima um percurso com 11,7 quilómetros, apresentado esta quarta feira, alternativo ao IC2, uma das vias mais utilizadas pelos peregrinos.

O município de Pombal propõe a quem ruma a pé ao santuário de Fátima um percurso com 11,7 quilómetros, apresentado publicamente esta quarta feira, alternativo ao Itinerário Complementar 2 (IC2), uma das vias mais utilizadas pelos peregrinos.

O percurso alternativo entra no município de Pombal, distrito de Leiria, pela estrada nacional 529, com origem na localidade de Simões (concelho de Soure, distrito de Coimbra) e regressa ao IC2 quase 12 quilómetros depois, a sul da sede de município, na localidade de Flandes.

Catarina Silva, vice-presidente da autarquia de Pombal, afirma que o dispositivo de apoio visa “garantir o bem-estar, a segurança e um caminho menos difícil aos peregrinos que caminham para Fátima nas estradas”.

Apesar de toda a informação disponibilizada, a autarca diz que o dispositivo envolvido tem realizado “um trabalho de grande intensidade junto dos peregrinos” para divulgar os caminhos alternativos “porque continuam a existir imensos [a transitar a pé] no IC2”.

O itinerário alternativo “com segurança e vigilância” é aconselhado aos peregrinos em folhetos informativos, com conselhos úteis, que estão a ser distribuídos ao longo do percurso, enquanto o caminho pelo IC2 – uma das estradas mais movimentadas do país – é desaconselhado pela autarquia.

O percurso também está disponível na página internet do município, com recurso a imagens. Os peregrinos que se deslocam a pé a Fátima percorrem cerca de 30 quilómetros em território do município de Pombal e o dispositivo de apoio e acolhimento, que envolve 21 entidades, está no terreno pelo quarto ano consecutivo, até sexta-feira.

De acordo com informação avançada pela autarquia, cerca de 3.700 peregrinos pernoitam em Pombal por estes dias, ficando alojados no pavilhão da Redinha, localizado na zona desportiva, nas imediações do estádio das Meirinhas.

Também o município de Ansião, no nordeste do Leiria, anunciou hoje o apoio “com cuidados médicos” a peregrinos que atravessam o concelho, através da instalação de um posto de apoio no espaço verde do Ribeiro de Vide, até quinta-feira.

O apoio aos peregrinos em Ansião envolve técnicos de saúde e voluntários dos bombeiros locais, misericórdia, centro de saúde e alunos do curso de fisioterapia do Instituto Politécnico de Leiria, entre outras instituições.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Política

O vídeo das nossas vidas

Helena Matos
904

Beija-mão presidencial ao Papa em Monte Real. Um primeiro-ministro a brincar às amas. O país olha para o lado. E indigna-se com o "Correio da Manhã". É a propaganda, senhores. É a propaganda.

Papa em Fátima

«Temos Mãe!»

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
700

É natural que os pais se alegrem com os êxitos dos seus filhos, mas não é comum que assumam as suas culpas quando sofrem a tristeza de um filho os ferir com a indignidade de um comportamento criminoso

Felicidade

Portugal

Paulo Tunhas

Acaso Fátima, o Benfica e o “Amar pelos dois” nos vão mudar, para melhor ou para pior, colectivamente, a vida? É claro que não. E pretender o contrário é pura e simplesmente falso.