Papa em Fátima

“Boleias” para Fátima começam nos dez e chegam a 100 euros

Cem euros por pessoa, numa viagem de ida e volta Lisboa – Fátima, no sábado, ou 75 euros para o trajeto Porto – Cova da Iria, na sexta-feira, são alguns dos preços das “boleias”.

Em várias páginas de Internet, direcionadas para partilha de automóvel ou para todo o tipo de anúncios, revela-se variada tipologia de preços e de trajetos

NUNO VEIGA/LUSA

Cem euros por pessoa, numa viagem de ida e volta Lisboa – Fátima, no sábado, ou 75 euros para o trajeto Porto – Cova da Iria, na sexta-feira, são alguns dos preços das “boleias” a propósito da visita do papa Francisco.

O líder da Igreja Católica está em Fátima na sexta-feira e no sábado para a celebração do Centenário das Aparições e para a canonização dos pastorinhos Jacinta e Francisco Marto. Em várias páginas de Internet, direcionadas para partilha de automóvel ou para todo o tipo de anúncios, revela-se variada tipologia de preços e de trajetos, com valores que vão desde os dez euros (Porto-Fátima, por exemplo), mas que também chegam aos quatrocentos, quando se pede ocupação total de veículo.

Por 400 euros, pode sair-se de Lisboa até Fátima, no dia 13, sábado, a partir das 6h00, e regressar à capital ao final do dia, após a partida de Francisco para Itália. Mas exige-se a participação de quatro ocupantes, descendo assim o preço para os 100 euros por pessoa. Outros oferecem apenas viagem de ida, a partir de 10 euros, mas que também podem atingir os 75. E as viagens só se fazem caso se angarie três clientes.

Os anunciantes aproveitam também as potencialidades da Internet para mostrar o veículo que servirá os desejos dos peregrinos: e há desde topos de gama, até carros mais modestos, mas que igualmente servem os intentos.

Igualmente de Santarém surgem alguns anunciantes, que praticam 200 euros por uma viagem de ida e volta até Fátima, carro cheio. De Almada, os peregrinos podem viajar ida e volta desde os 150 euros, igualmente carro cheio, mas também se encontram partilhas só de ida a partir dos 15 euros.

Francisco chega na sexta-feira a Portugal e é recebido pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, estando também marcado um encontro com o primeiro-ministro, António Costa, no sábado.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Política

O vídeo das nossas vidas

Helena Matos
904

Beija-mão presidencial ao Papa em Monte Real. Um primeiro-ministro a brincar às amas. O país olha para o lado. E indigna-se com o "Correio da Manhã". É a propaganda, senhores. É a propaganda.

Politicamente Correto

É difícil comer cabrito vivo

Helena Matos

Estava a perceber quando terão os trabalhadores do sector privado as suas 35 horas e eis que constato que a Nação se mobiliza contra uma ignomínia: a morte de um cabrito num congresso de cozinheiros 

Saúde Pública

Votar o futuro da Saúde da nação

Francisco Goiana da Silva

Resta-nos a nós, cidadãos, esperar que quando esta medida de Saúde Pública [taxa do sal] for votada, os deputados não se esqueçam de acautelar a vontade da sociedade. 

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site