Logo Observador
Chefs

Daniel Estriga de novo à pesca entre Cascais e Sagres

Em março, o chefe Daniel Estriga criou um menu com os peixes que se comem entre Cascais e Sagres. Serviu-o no Martinhal da vila algarvia e esta sexta-feira, 12 de maio, repetirá a graça em Cascais.

Quando foi convidado para dar um jantar no hotel Martinhal Sagres, no início de março, o chefe Daniel Estriga não fez o que seria expectável: levar alguns dos best sellers que serve no seu restaurante, o Conceito Food Store, e construir o menu a partir desses pratos. Nada disso, os best sellers ficaram em casa e Daniel decidiu construir um menu de raiz, só de peixe, partindo do percurso entre a sua casa, Cascais, e o destino final, Sagres.

De Cascais a Sagres pelo mar, quantos peixes se podem provar?

Dessa ideia nasceu o menu degustação servido nesse jantar, que o Observador provou e relatou na altura. Um amuse-bouche, seis pratos e uma sobremesa, com passagens por Sesimbra (espadarte), Setúbal (choco), Porto Covo (sargo) e Vila Nova de Milfontes (raia), além das casas de partida (polvo) e chegada (cavala), claro. Uma viagem reconfortante, que ficou na memória graças, também, à excelente harmonização com os vinhos Ninfa, de João M. Barbosa, produzidos na adega Porta de Teira, junto às salinas de Rio Maior, logo com o toque mineral perfeito para acompanhar os peixes servidos.

O prato relativo a Porto Covo: sargo apresentado sobre uma folha de arroz polvilhada com pó de alga, com mexilhão e percebes. A acompanhar, uma massada de pevide com raia e lingueirão, enriquecida com espuma de ouriço do mar e molho de caldeirada. (foto: © Tiago Pais / Observador)

A boa notícia é que o que era para ter sido uma ocasião única vai, afinal, repetir-se, outra vez num hotel da cadeia Martinhal, mas agora em Cascais. A ordem da viagem mantém-se, porém, tal como os vinhos. O jantar acontece no dia 12 de maio, sexta-feira, começa às 20h e custa 70€ por pessoa, já com as bebidas incluídas. Também há pacotes com uma noite incluída a partir de 320€ para dois adultos. As reservas devem ser feitas através do 21 850 7788 ou do email res@martinhal.com.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: tpais@observador.pt
PSD

O erro dos críticos de Passos Coelho

Rui Ramos

À oligarquia, basta um governo que faça contas para Bruxelas ver. Ora, isso Costa já provou que é possível com o PCP e o BE. Não precisa do PSD. Nem o de Passos Coelho, nem o de quem quer que seja.