Festival Eurovisão da Canção

Comissão Europeia felicita Salvador Sobral pela vitória

1.504

A Comissão Europeia felicitou esta segunda feira o cantor Salvador Sobral pela sua vitória no Festival Eurovisão da Canção, lembrando a sua experiência no programa Erasmus.

A canção, com letra e música de Luísa Sobral, irmã de Salvador Sobral, obteve 758 pontos na votação combinada dos júris nacionais e do público, na final do festival disputada em Kiev, na Ucrânia

SERGEY DOLZHENKO/EPA

A Comissão Europeia felicitou esta segunda feira o cantor Salvador Sobral pela sua vitória no Festival Eurovisão da Canção, lembrando a sua experiência no programa Erasmus, de intercâmbio de estudantes.

Queria felicitar Salvador Sobral, vencedor da Eurovisão 2017, não apenas porque deu pela primeira vez a vitória a Portugal, mas também porque foi um estudante Erasmus”, disse esta segunda feira o porta-voz da Comissão Europeia, Margaritis Schinas.

“Não há melhor maneira de celebrar os 30 anos do programa Erasmus do que constatar, com orgulho, que um de nós venceu a Eurovisão”, adiantou, dando, em português, os parabéns ao cantor.

Portugal ganhou no sábado, pela primeira vez, o festival Eurovisão da Canção com “Amar pelos dois”, interpretada por Salvador Sobral. A canção, com letra e música de Luísa Sobral, irmã de Salvador Sobral, obteve 758 pontos na votação combinada dos júris nacionais e do público, na final do festival disputada em Kiev, na Ucrânia, que foi transmitida em direto pela RTP1. A final do Festival Eurovisão da Canção foi disputada, em Kiev, por 26 países.

O programa Erasmus, estabelecido em 1987, é um programa de apoio interuniversitário de mobilidade de estudantes e docentes do Ensino Superior entre Estados-membros da União Europeia e Estados associados, e que permite, a alunos, que estudem noutro país por um período de tempo entre três e 12 meses. O programa foi entretanto alargado para o Erasmus+, oferecendo oportunidades de estudo, formação, aquisição de experiência e voluntariado no estrangeiro.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site