Logo Observador
Festivais de Música

Divulgados primeiros nomes do festival Vilar de Mouros

Os The Jesus and Mary Chain e os The Mission são dois dos nomes que compõem o cartaz da edição de 2017 do Vilar de Mouros. O festival regressa entre os dias 24 e 26 de agosto.

Os Jesus and Mary Chain são uma das bandas confirmadas para a edição de 2017

AFP/Getty Images

Foram divulgados esta quinta-feira os primeiros nomes da edição de 2017 do festival EDP Vilar de Mouros, que se realiza entre os dias 24 e 26 de agosto. Entre as bandas que irão integrar o cartaz deste ano, contam-se os The Jesus and Mary Chain, os The Mission e a banda de Bob Geldof, Boomtown Rats.

Além destes grupos, a organização do festival confirmou ainda a presença dos The Dandy Warhols, The Psychedelic Furs, The Young Gods, Morcheeba e The Veils. A representar a música portuguesa estarão os Capitão Fausto.

Depois de um hiato de vários anos (e uma edição falhada em 2014), o Vilar de Mouros regressou em 2015, com um alinhamento que contou com nomes como Peter Murphy, Happy Mondays e Blasted Mechanism. Os bilhetes para a edição deste ano já estão à venda — os passes gerais custam 70 euros e os diários 35 euros.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rcipriano@observador.pt
Venezuela

O drama da comunidade portuguesa na Venezuela

Daniel Bastos

A falta de segurança e o caminho que a Venezuela parece seguir rumo ao abismo estão a levar muitos emigrantes a regressarem para Portugal, sendo já notório que há cada vez mais a voltarem à Madeira.

Família

Guerra e Paz

Margarida Alvim

Há muitas famílias assim. Conjuntos de pessoas que vivem debaixo do mesmo tecto. Os pais sabem de todos, mas cada irmão sabe de si. A razão só pode ser uma: falta de confiança. E falta de amizade.

Catolicismo

Medjugorje: solução à vista?

P. Gonçalo Portocarrero de Almada

Para um cristão a investigação sobre as supostas aparições de Medjugorge faz sentido, pois deve conhecer a solidez das suas convicções e estar preparado para responder a quem lhe pedir razão da espera