Museus

Museu Nacional dos Coches reabre ao público este sábado

O Museu Nacional dos Coches vai reabrir ao público este sábado com uma nova museografia, completando mais uma passo do projeto do arquiteto brasileiro Paulo Mendes da Rocha.

O Museu Nacional dos Coches fechou a 26 de abril para conclusão da montagem do projeto museográfico

MÁRIO CRUZ/LUSA

Depois de ter fechado a 26 de abril para conclusão da montagem do projeto museográfico, o Museu Nacional dos Coches, em Belém, vai voltar a abrir as portas ao público este sábado, quando se celebra a Noite dos Museus, depois de completado mais uma passo do projeto do arquiteto brasileiro Paulo Mendes da Rocha. A inauguração oficial acontece um dia antes, na sexta-feira, pelas 18h30.

No Dia Internacional dos Museus, que se assinala esta quinta-feira, a diretora do museu, Silvana Bessone, Paulo Mendes da Rocha, e o arquiteto Nuno Sampaio, autor da museografia, apresentaram aos jornalistas o novo projeto, que vai permitir a proteção das viaturas antigas e a informação do público em quatro línguas (português, inglês, espanhol e francês). Paulo Medes da Rocha, prémio Pritzker em 2006, comentou durante a visita que não foi fácil criar o projeto museográfico.

O objetivo era criar um ambiente mágico que dê essa ideia de dinamismo, de movimento. Usámos muitas projeções de filme”, observou o arquiteto brasileiro.

De modo a isolar as viaturas, evitando assim o contacto com os visitantes, foi criada uma estrutura com um perímetro que, ao mesmo tempo, serve de base de informação. Interativa, esta vai incluir vários dados relativos ao coche, o contexto histórico e o ambiente da época, como explicou Nuno Sampaio aos jornalistas. “Este museu oferece uma nova configuração do espaço urbano em Belém, o que é um grande valor do ponto de vista turístico e de memória histórica”, sublinhou Paulo Mendes da Rocha sobre o edifício.

Próxima fase do projeto só será concluída dentro de um ano

O novo Museu Nacional dos Coches, localizado em frente ao antigo edifício (que ainda alberga algumas peças da coleção), foi inaugurado em 2015. Longe de estar concluído, o projeto tem avançado por fases. Questionada sobre a demora na instalação artística, a diretora do museu, Silvana Bessone, explicou que “o projeto decorre em fases”. A próxima etapa — a inauguração da passagem pedonal sobre a linha de comboio — só acontecerá dentro de um ano.

A responsável considerou, porém, que a museografia vai permitir atrair mais visitantes, graças à instalação de equipamentos multimédia que permitem uma maior acessibilidade à informação.

Questionada sobre os números de visitantes dos museus nacionais, divulgados na quarta-feira, Silvana Bessone recordou que em 2016 o museu recebeu 592 mil visitantes e que os 150 mil registados no primeiro trimestre deste ano são “um prenúncio que deverá subir um pouco” no balanço do final de 2017. Há já vários anos que o Museu dos Coches é um dos mais visitados em Portugal, recebendo sobretudo turistas de nacionalidade francesa, espanhola e inglesa.

Localizado na Praça Afonso de Albuquerque, em Belém, o museu tem uma coleção de viaturas de gala e de passeio do século XVII ao século XIX, na sua maioria provenientes dos bens da coroa ou propriedade particular da Casa Real portuguesa. Esta coleção — que inclui o chamado “Coche dos Oceanos”, que fez parte da embaixada enviada por D. João V ao Papa Clemente XI em 1716 — é considerada uma das mais importantes do mundo.

O novo espaço é composto por dois edifícios com quatro pisos, duas salas de exposição permanente, uma sala de exposições temporárias, auditório e serviço educativo. As novas instalações possuem ainda um laboratório, oficinas e zonas técnicas e administrativas.

Construído nos terrenos das antigas Oficinas Gerais do Exército, o novo Museu dos Coches foi concebido em consórcio com os ateliês MMBB Arquitetos, do Brasil, Bak Gordon Arquitetos e Nuno Sampaio Arquitetos, de Portugal. Ocupa uma área de total de 15.177 metros quadrados e foi financiado com a execução das contrapartidas do Casino Lisboa, num investimento de 39 milhões de euros.

Encerrado desde 26 de abril, o Museu Nacional dos Coches vai ser novamente inaugurado nesta sexta-feira, pelas 18h30. Vai estar aberto ao público a partir deste sábado, quando se celebra a Noite dos Museus, entre as 10h e a meia-noite. A entrada é gratuita durante todo o dia.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site