Ex-FMI. Défice pode subir se for para limpar banca

Portugal não deve acelerar a redução do défice, sob risco de agravar os problemas e sem grandes ganhos à vista, defende Olivier Blanchard. Défice até poderá subir, se for para fazer reformas.

Por Nuno André Martins, Ana Suspiro