Logo Observador
Casamento

Casal Cameron festeja 21 anos de casamento com foto original no Instagram

130

David Cameron, antigo primeiro-ministro do Reino Unido, e a a mulher Samantha celebraram o 21º aniversário de casamento esta quinta-feira. E marcaram o dia com uma fotografia dos pés no Instagram.

David Cameron, antigo primeiro ministro do Reino Unido, e Samantha Cameron celebraram o seu 21º aniversário de casamento na quinta-feira e publicaram uma fotografia dos seus próprios pés no Instagram.

Enquanto Theresa May anda na correria frenética da campanha eleitoral, Cameron relaxa em terras espanholas, a festejar as mais de duas décadas de casamento com Samantha. Muitos “instagramers” felicitaram o casal em tom humorístico. Entre os comentários pode-se ler “Parabéns. Pelos vossos lindos pés. E pelos 21 anos de casamento também” ou ainda, referindo-se a David Cameron, “Também fez pedicure? Ele tem uns pés fantásticos“.

Married for 21 years today!

A post shared by Samantha Cameron (@sammacameron) on

O antigo primeiro ministro, com 50 anos, e a designer de moda, de 46, estão de férias em Andaluzia, Espanha.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Família

O casamento tem a ver com amor e não com dever

António Pimenta de Brito
128

A pergunta de qualquer pessoa, católica ou não, é: conseguirei eu ser feliz numa relação toda a vida, manter o romantismo e a minha individualidade, ao mesmo tempo que tenho filhos e trabalho?

Fogo de Pedrógão Grande

“Para inglês ver”

Paulo Tunhas

Quando toda a energia do Governo é em última análise canalizada para a manutenção do seu apoio, é fatal que o Estado se degrade e a pouco e pouco, se fragmente, se transforme em algo para inglês ver. 

Ásia

A Índia de Modi

Diana Soller

A política externa da Índia para os Estados Unidos, até hoje, pode ser resumida em três R: Ressentimento, Reciprocidade e Reconhecimento.

caderno de apontamentos

Educação e autarquias

Abel Baptista

Com a descentralização, não poderão as autarquias tornar-se mais competitivas entre si, e oferecer meios de ensino de melhor qualidade, com soluções adaptadas às circunstâncias do concelho e região?