Logo Observador
Têxtil e Vestuário

Exportações de têxteis e vestuários aumentam 4% até abril e somam 1.756 milhões de euros

As exportações portuguesas de têxteis e vestuário aumentaram 4% até abril face ao mesmo período do ano anterior, fechando o primeiro quadrimestre com vendas de 1.756 milhões de euros.

Por categorias de produtos verifica-se que as exportações de matérias têxteis aumentaram 8,8%, as de vestuário 1,8% e as de têxteis-lar e outros artigos têxteis confecionados quase 2,1%.

Tiago Petinga/LUSA

As exportações portuguesas de têxteis e vestuário aumentaram 4% até abril face ao mesmo período do ano anterior, fechando o primeiro quadrimestre com vendas de 1.756 milhões de euros, anunciou esta sexta-feira a associação setorial.

Segundo a Associação Têxtil e Vestuário de Portugal (ATP), por categorias de produtos verifica-se que as exportações de matérias têxteis aumentaram 8,8%, as de vestuário 1,8% e as de têxteis-lar e outros artigos têxteis confecionados quase 2,1%.

Os destinos que mais cresceram foram os EUA (acréscimo de 12,4 milhões de euros, com uma taxa de crescimento de 15%), a Alemanha (aumentou 10,6 milhões de euros, evoluindo 7%) e a Itália (aumento de 15%, no valor de 10,2 milhões de euros).

Já Espanha registou uma quebra de cerca de 0,6% nas exportações e de 1,3% nas importações.

No final do período, o saldo da balança comercial dos têxteis e vestuário foi de 454 milhões de euros.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Têxtil e Vestuário

Savoir-faire português

António Buscardini
185

Portugal veio até ao coração de União partilhar algum do conhecimento de experiência feito que acumulamos no sector têxtil. Faire savoir o savoir-faire é uma das mais intangíveis riquezas da Europa.

Sistema Financeiro

Vem aí o fim da Banca

Miguel Gouveia
119

A mudança do modelo de negócios da banca não será sustentável a médio e longo prazo devido ao aparecimento de novas empresas cuja concorrência será devastadora para os bancos.