Logo Observador
Família Real Britânica

Kate Middleton faz visita surpresa a sobreviventes dos ataques de Londres

312

Kate Middleton fez esta segunda uma visita surpresa às vítimas dos ataques de Londres e aos funcionários do King's Hospital. A duquesa de Cambridge não quis interromper o decorrer dos trabalhos.

Kate à chegada do King's Hospital

Dominic Lipinski - WPA Pool / Getty Images

A Duquesa de Cambridge, Kate Middleton, visitou no King’s Hospital, esta segunda-feira, de surpresa, sobreviventes dos ataques de Londres. Kate aproveitou para se reunir com os funcionários e administradores do hospital para garantir que, para além dos cuidados de saúde, as vítimas e familiares estão a ser acompanhados psicologicamente.

Kate Middleton chegou ao hospital pelas 13h50 desta segunda-feira para uma visita que não foi anunciada com antecedência para permitir que os funcionários trabalhassem com normalidade. Ao todo, 14 vítimas foram levadas para o King’s Hospital — 13 continuam internadas por ferimentos graves e sete em estado crítico. A princesa conversou com os funcionários sobre a noite dos atentados e elogiou os seus esforços: “Muito bem”.

Foi após este momento que Kate conheceu a equipa que trabalhou na noite dos ataques — e que continua a trabalhar. Kate irá visitar cada uma das vítimas, em privado, pelo menos as que estão em condições de falar, garantiu o porta-voz do hospital.

Já no mês passado, a Rainha Isabel II visitou os sobreviventes do atentado de Manchester e o Duque de Cambridge, William, louvou o trabalho da polícia metropolitana e das restantes autoridades.

Os mais recentes ataques em Londres tiraram a vida a oito pessoas e feriram outras 48, quando três terroristas atropelaram pedestres na Ponte de Londres e esfaquearam vários transeuntes. Todos foram abatidos em oito minutos pela polícia britânica.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Educação

O Filipa e a escola pública

Maria José Melo

Portugal só será realmente um país civilizado quando existir consciência cívica por parte de todos os cidadãos. Foi esta visão que adquiri no Liceu D. Filipa de Lencastre e me acompanhou toda a vida.