Iémen

Pelo menos 25 mortos em bombardeamento num mercado no Iémen

Pelo menos 25 pessoas morreram e outra ficou ferida no norte do Iémen após um bombardeamento supostamente realizado por aviões da coligação árabe contra um mercado num povoado da província de Saada.

YAHYA ARHAB/EPA

Autor
  • Agência Lusa
Mais sobre

Pelo menos 25 pessoas morreram e outra ficou ferida no norte do Iémen após um bombardeamento supostamente realizado por aviões da coligação árabe contra um mercado num povoado da província de Saada.

Todas as vítimas são homens que estavam no mercado da localidade de Sheda, disse à agência espanhola EFE o diretor do Departamento de Saúde da província, Abdulilah al Azi.

A província de Saada é controlada pelas forças rebeldes hutis.

A agência de notícias SABA, controlada pelos rebeldes, referiu que aviões da coligação árabe, liderada pela Arábia Saudita, realizaram duas incursões a Saada, causando 25 mortos.

Desde finais de 2014, o Iémen é cenário de um conflito entre rebeldes hutis, apoiados pelo Irão, e as forças fieis ao Presidente Abdo Rabu Mansur Hadi, que tem o respaldo de uma aliança militar encabeçada pela Arábia Saudita.

O conflito no país, que passa por uma grande crise de fome e uma epidemia de cólera desde o final de abril, já causou 923 mortos.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site