Logo Observador
Assalto em Tancos

Marcelo janta com os quatros chefes militares para os acalmar

395

O Presidente da República convocou um jantar com os quatros chefes militares para esta segunda-feira. O jantar tem como objetivo acalmar as tropas, na sequência do roubo de material militar em Tancos.

MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, está a jantar esta segunda-feira com o chefe de Estado-Maior General das Forças Armadas e três chefes de cada um dos três ramos: Exército, Força Aérea e Marinha. A notícia foi avançada pelo jornal Expresso.

Marcelo Rebelo de Sousa procura, com o jantar, tentar acalmar os ânimos, exaltados com o furto de material de guerra, em Tancos, garante a mesma fonte.

Depois do assalto em Tancos, instalou-se a polémica no Exército. No passado dia 1 de julho, cinco comandantes das unidades ligadas à segurança dos paióis de Tancos foram demitidos pelo chefe de Estado-Maior General das Forças Armadas, que se encontra no jantar com o Presidente da República.

Dois dias depois, os oficiais do Exército foram convocados a protestar pela demissão dos cinco comandantes, depondo as suas espadas à porta da Presidência da República. O protesto acabou por ser desconvocado.

Oficiais desconvocam protesto marcado para esta quarta-feira

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt