Logo Observador
Venezuela

Venezuela. Oposição convoca greve geral de 24 horas para quinta-feira

A oposição venezuelana convocou esta segunda-feira uma greve geral de 24 horas para quinta-feira, numa nova ação de protesto contra o Governo.

NATHALIE SAYAGO/EPA

Autor
  • Agência Lusa
Mais sobre

A oposição venezuelana convocou esta segunda-feira uma greve geral de 24 horas para quinta-feira, numa nova ação de protesto contra o Governo, depois de ter organizado um referendo simbólico contra o projeto de Assembleia Constituinte promovido pelo Presidente.

O anúncio da iniciativa foi feito pelo deputado e vice-presidente do parlamento, Freddy Guevara, opositor do regime de Caracas, que falou na qualidade de porta-voz da aliança Mesa da Unidade Democrática. Na ocasião, o político revelou que na quarta-feira vão ser feitos públicos os primeiros passos para “formar um Governo de unidade nacional”.

A oposição continua a pressionar o Governo, considerando que os resultados da consulta popular que decorreu no domingo, e que contou com mais de seis milhões de votos contra a Assembleia Constituinte, mostram que os venezuelanos rejeitam a continuação de Nicolás Maduro como chefe de Estado do país.

Venezuela enfrenta a “mãe de todas as manifestações”

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Minorias

O machismo militante da histeria anti xenofobia

Maria João Marques

Os que gritam xenofobia perante a mais leve crítica a certas comunidades onde os maus tratos a mulheres são inerentes à cultura que tanto defendem, fizeram a sua escolha: apoiar a opressão de mulheres

Justiça

Sexo forçado no tribunal

Luís Aguiar-Conraria

Não sei que idade têm os juízes, nem a juíza que votou favoravelmente este acórdão, mas, seja qual for a sua idade, envergonharam Portugal que foi, mais uma vez, e muito bem, condenado pelo TEDH.