Logo Observador
Ministério Dos Negócios Estrangeiros

Santos Silva contraria Cristas. Diz que participou em 5 das 8 reuniões europeias

145

O ministro dos Negócios Estrangeiros negou acusação da líder do CDS-PP, garantindo ter participado em cinco das oito reuniões do Conselho de Negócios Estrangeiros da União Europeia realizadas.

ANTÓNIO COTRIM/LUSA

O ministro dos Negócios Estrangeiros negou este domingo a acusação feita no sábado pela líder do CDS-PP, garantindo ter participado em cinco das oito reuniões do Conselho de Negócios Estrangeiros da União Europeia realizadas até agora.

“O ministro dos Negócios Estrangeiros participou em cinco das oito reuniões do Conselho de Negócios Estrangeiros da União Europeia realizadas até agora, em 2017, tendo sido representado nas restantes três, em duas por uma secretária de Estado e na outra pelo embaixador. Assim, é falsa a afirmação atribuída à deputada Assunção Cristas, segundo a qual o ministro ‘em sete reuniões, foi apenas a duas'”, refere o Ministério dos Negócios Estrangeiros num email enviado à agência Lusa.

A presidente do CDS-PP, Assunção Cristas, acusou no sábado o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, de se ter afastado do debate, com os homólogos europeus, sobre a questão da Venezuela.

“Não vai aos conselhos de ministros em Bruxelas. Deve achar maçador ter que interagir com os seus colegas europeus, pois em sete reuniões foi apenas a duas”, afirmou, questionando: “Não haverá nada a dizer? Não haverá uma posição portuguesa para ser defendida?”.

Assunção Cristas falava sábado no jantar do 43.º aniversário do CDS, realizado na Póvoa de Varzim.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt