Barrigas de Aluguer

Já há 53 pedidos de barrigas de aluguer

122

A lei da gestação de substituição entrou em vigor esta semana. Mais de 50 casais já mostraram interesse formal no processo, sendo que 25% são estrangeiros.

Getty Images/iStockphoto

Até agora, 53 casais manifestaram formalmente interesse em recorrer ao método vulgarmente conhecido como “barrigas de aluguer”. Os dados, avançados pelo jornal Expresso, são do Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida (CNPMA), entidade responsável por autorizar os pedidos de gestação de substituição.

Uma leitura mais atenta dos dados permite perceber que 44 casais mostraram vontade em participar na gestação de substituição no período de tempo em que a lei foi votada pela primeira vez e o decreto regulamentar foi aprovado.

Só esta semana, após a publicação do diploma em “Diário da República” na última segunda-feira, mais nove casais fizeram o mesmo pedido. Ao todo, 25% dos pedidos corresponde a casais estrangeiros, sobretudo espanhóis.

Eurico Reis, presidente do CNPMA, disse ao jornal Expresso que é provável que a lista ascenda aos 100 casais só nos próximos dois anos. O número não é maior, explica este profissional, porque a nova lei impede que a gestante seja paga, podendo apenas ser reembolsada por despesas associadas ao processo.

O primeiro caso pode ser autorizado até ao final do ano.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: acmarques@observador.pt
Barrigas de Aluguer

Por quanto se vende um filho?

Domingos Freire de Andrade

Não é aceitável que uma mulher transporte durante 9 meses uma criança que nasce com duas mães, sendo separada à nascença da única pessoa que conheceu até esse momento.

IPSS

Raríssimas, uma história de subdesenvolvimento

Helena Garrido
312

Num país desenvolvido as instituições teriam funcionado e a Casa dos Marcos teria sido fiscalizada. Nenhum país enriquece sendo como vimos que Portugal é no caso Raríssimas. Enriquecem algumas pessoas

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site