Fogo de Pedrógão Grande

PSD acusa Governo de “aproveitar-se dos donativos” para fazer campanha

1.364

Líder parlamentar do PSD diz que o Governo anda a "passear-se" pela zona dos incêndios e a fazer campanha. E pede à ministra responsabilidade política e rápida indemnização dos familiares das vítimas.

O líder parlamentar do PSD acusou esta sexta-feira o Governo de “andar a passear-se nos territórios” que arderam no final de junho e a “aproveitar-se dos donativos dos portugueses para com isso fazer a sua campanha eleitoral”.

A conferência de imprensa marcada pelo PSD visava exigir que a ministra da Administração Interna “assuma responsabilidades políticas” sobre o que se passou em Pedrógão Grande, mas Hugo Soares acabou também por responder aos socialistas sobre o “aproveitamento político” que acusam o PSD de ter feito dos mesmos fogos. O social-democrata empurra a mesma crítica para o lado de lá, em forma de pergunta: “Aproveitamento político não é o desfile constante de ministros pelos territórios afetados, o desfile do primeiro-ministro, muitas vezes com um sorriso nos lábios, como quando apresentou a equipa de sapadores, como se estivesse a fazer uma coisa que não devesse já estar feita?”. E continuou:

Aproveitamento político não é estarem a passear-se nos territórios e aproveitarem-se dos donativos dos portugueses para, com isso, fazerem a sua campanha eleitoral?”

Quanto à ministra da Administração Interna, o líder parlamentar disse que a conferência de imprensa desta quarta-feira foi “mais uma crónica jornalística do que uma conferência de imprensa”. O PSD diz que existem “mais de 15 relatórios e pareceres” sobre o que se passou em Pedrógão Grande, mas que “nenhum deles parece servir para que o Governo assuma responsabilidade”.

De Constança Urbano de Sousa, Hugo Soares diz que “é muito rápida a relatar factos e parece com muita vontade de querer encontrar responsáveis no Ministério que tutela, mas ainda não teve a hombridade de assumir a sua própria responsabilidade política”. Das conclusões que já se conhecem até agora, o líder parlamentar do PSD diz que “parecem apontar falhas generalizadas em vários serviços e direções gerais tuteladas pela Administração Interna. Mas nem isso serve para que a ministra assuma as suas responsabilidades”.

Mas apesar de exigirem responsabilidades, os sociais-democratas continuam a não pedir a demissão da ministra e dizem apenas que aguardam a comissão técnica independente, para tirarem as duas conclusões. A responsabilidade última, diz Hugo Soares, e é do primeiro-ministro “porque é a ele que compete escolher os ministros”. Por agora, o que o PSD pede ao Governo que “comece a indemnizar os familiares”, que encontre um “mecanismo rápido, expedito e fácil” para o fazer.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rtavares@observador.pt
IPSS

Raríssimas: o Estado é parte do problema

Rui Ramos

Mais do que por uma “vida de luxo”, a direcção da Raríssimas foi atraída por uma “vida de Estado”. Libertar a sociedade deste Estado gordo e promíscuo seria um meio de a libertar das piores tentações.

Crianças

Há Natais e Natais...

Rute Agulhas

Pais, mães, avós e restante família alargada. Deixemos as crianças viver a magia do Natal. Acreditar, mesmo que seja a fingir, no Pai Natal e nas renas, e na fábrica de brinquedos, e nos duendes.

IPSS

Raríssimas: o Estado é parte do problema

Rui Ramos

Mais do que por uma “vida de luxo”, a direcção da Raríssimas foi atraída por uma “vida de Estado”. Libertar a sociedade deste Estado gordo e promíscuo seria um meio de a libertar das piores tentações.

Brexit

Quem disse que sair da Europa era fácil?

Diana Soller

Esperemos que o executivo britânico se reorganize depressa. Ainda que o divórcio tenha tido até agora pouco de litigioso, uma das partes põe paus na engrenagem. E nas separações todo o cuidado é pouco

Crianças

Há Natais e Natais...

Rute Agulhas

Pais, mães, avós e restante família alargada. Deixemos as crianças viver a magia do Natal. Acreditar, mesmo que seja a fingir, no Pai Natal e nas renas, e na fábrica de brinquedos, e nos duendes.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site