Roger Federer

US Open. Federer despacha Kohlschreiber e segue para os quartos de final

O tenista suíço Roger Federer, principal favorito à vitória no US Open, qualificou-se com facilidade para os quartos de final do último Grand Slam de 2017, ao vencer o alemão Philipp Kohlschreiber.

O suíço procura aumentar para 20 títulos do Grand Slam

JASON SZENES/EPA

Autor
  • Agência Lusa

O tenista suíço Roger Federer, principal favorito à vitória no US Open, qualificou-se esta terça-feira com facilidade para os quartos de final do último Grand Slam de 2017, ao vencer o alemão Philipp Kohlschreiber em três sets.

Federer, terceiro do ranking mundial, necessitou de menos de duas horas em court para bater Kohlschreiber, 37.ª da hierarquia, pelos parciais de 6-4, 6-2 e 7-5, em encontro dos oitavos de final do torneio disputado em Nova Iorque, onde já venceu por cinco vezes, entre 2004 e 2008.

Aos 36 anos, o suíço, que procura aumentar para 20 títulos do Grand Slam o seu próprio recorde, vai defrontar nos quartos de final o argentino Juan Martin del Potro, que recuperou de uma desvantagem de dois sets frente ao austríaco Dominic Thiem, após uma ‘maratona’ de três horas e 37 minutos.

Del Potro, que em 2009 quebrou a série vitoriosa de Federer no torneio norte-americano – o maior feito da carreira -, estava adoentado e chegou a pensar em abandonar o encontro quando perdia por 6-1 e 6-2, mas conseguiu recuperar e vencer os três parciais seguintes, por 6-1, 7-6 (7-1) e 6-4.

“Não considero [o confronto com Del Potro como] uma desforra. Fico contente por reencontrá-lo, porque nos damos bem fora do court e gostamos de nos defrontar”, disse Federer, que venceu 15 dos 21 encontros frente ao argentino.

No setor feminino, a norte-americana Madison Keys, 16.º da classificação um mundial, surpreendeu a ucraniana Elina Svitolina, quarta tenista do mundo, impondo-se em três sets, pelos parciais de 7-6 (7-2), 1-6 e 6-4.

Keys, uma das quatro norte-americanas nos quartos de final da prova caseira, em conjunto com Venus Williams, Sloane Stephens e Coco Vandeweghe, atingiu pela terceira vez uma fase tão adiantada de um major, na qual vai defrontar a estónia Kaia Kanepi, 418.ª do mundo, proveniente da qualificação.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site