Alfa Romeo

Vettel e Raikkonen apertam ao máximo com o Giulia

131

Quando se desafia dois dos melhores pilotos de F1 a “puxar” por um desportivo com 510 cv num circuito, a iniciativa só pode correr bem e ser espectacular, sobretudo se for com Vettel e Raikkonen.

Autor
  • Alfredo Lavrador

O fim-de-semana em que a Fórmula 1 (F1) visita Itália foi, como é habitual, aproveitado pela Ferrari para colocar os seus pilotos de competição ao serviço das marcas do grupo Fiat Chrysler Automobiles (FCA). Desta vez, coube a Vettel e Raikkonen testar o Alfa Romeo Giulia Quadrifoglio, um veículo familiar que está equipado com um motor V6 de 510 cv, obtidos à custa de uns pozinhos da Ferrari, e um chassi que foi concebido para ser maltratado. Em pista, é claro. E a este Giulia não falta pedigree, pois é dele o registo de 7.31 minutos no circuito de Nürburgring, um recorde que permitiu à berlina italiana envergonhar o Porsche Panamera Turbo, substancialmente mais caro.

Giulia Quadrifoglio avia Panamera Turbo

Na semana anterior ao Grande Prémio de Monza, Sebastien Vettel e Kimi Raikkonen, apoiados pelo piloto de reserva da equipa de F1, António Giovinazzi, rumaram ao traçado de Balocco, a pista de ensaios da Alfa Romeo. À espera das estrelas do volante estavam três Giulia Quadrifoglio, desejosos que serem brutalizados, como só um piloto de F1 é capaz de fazer.

Em relação ao que aconteceu em Balocco, o melhor mesmo é ver o vídeo produzido pela marca, onde os slides são traçados a compasso, numa dança a dois, que correu com a máxima discrição, sem toques nem ultrapassagens no limite.

Mal sabiam os pilotos que o fim-de-semana lhes reservava alguns dissabores, ao serem esmagados na corrida pelos Mercedes de Hamilton e Bottas, que em Itália estavam substancialmente mais velozes. Mais aborrecido, pois Vettel e Raikkonen estavam a jogar em casa e tinham ambos acabado de renovar os contratos, com o piloto alemão a assinar pela Ferrari até 2020, ao que parece por um valor que ronda os 40 milhões de euros por ano.

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Governo

A plateia dos patetas

Maria João Avillez

Um misto de leveza, manha, irresponsabilidade. Uma manipulação a partir do palco do poder para a plateia de patetas onde quem não é da geringonça é suposto estar sentado.

Agências de Rating

De BB+ para BBB-

Luís Aguiar-Conraria

A procissão ainda vai no adro. Para a Fitch e a Moody’s a dívida portuguesa anda é investimento especulativo. E, enquanto estivermos muito endividados, estaremos sujeitos aos maus humores dos mercados

Fernando Medina

Síndrome de Lisboa

Maria João Marques

O carro é um meio de transporte legítimo, os proprietários pagam impostos, pelo que têm direito a usá-lo quando assim lhes for mais confortável e conveniente, sem serem demonizados pelo edil lisboeta.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site