Incêndios

Quase 800 operacionais combatem fogo na Sertã

Um total de 941 operacionais, com o apoio de 308 meios terrestres, combatem dois grandes fogos no distrito de Castelo Branco, de acordo com a Autoridade Nacional de Proteção Civil.

PAULO CUNHA/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

Um total de 941 operacionais, com o apoio de 308 meios terrestres e 13 meios aéreos, combatem dois grandes fogos no distrito de Castelo Branco, de acordo com a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

O incêndio com maior dimensão continua a ser o da Sertã, onde 776 operacionais e 264 veículos combatem as chamas, que deflagraram na sexta-feira.

Na noite de sábado, o oficial de operações da ANPC Paulo Santos disse à Lusa que o fogo estava a perder intensidade e poderia ser dominado dentro de algumas horas, o que não se verificou.

No entanto, o IC8, que estava cortado entre os nós de Várzea de Cavaleiros e Maljoga, foi reaberto ao trânsito durante a madrugada.

Já o fogo em Amarante, no Porto, que deflagrou na tarde de sábado, foi dominado às 03:22 de domingo, indicou a ANPC. No terreno encontram-se 63 operacionais e 16 meios terrestres.

Um terceiro incêndio de maior dimensão arde esta madrugada em Proença-a-Nova, no distrito de Castelo Branco, mobilizando 165 operacionais, 44 veículos e 10 meios aéreos. Este fogo deflagrou na noite de sábado, na localidade de Chão do Galego.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site