Volkswagen

Volkswagen quer acabar com volante e pedais

Tal como os protótipos I.D. têm servido para anunciar a nova família de eléctricos da Volkswagen, o Sedric antecipa a futura gama de veículos 100% autónomos. Testes previstos para breve, em "casa".

Autor
  • Francisco António

Depois do anúncio da transição (progressiva) para o eléctrico, com a apresentação daquela que será a primeira família de modelos 100% eléctrica do construtor – conhecida para já apenas através dos protótipos I.D. –, eis que a Volkswagen anuncia igualmente uma futura gama de veículos 100% autónomos, cujo primeiro passo remete para o concept Sedric, em exposição no Salão automóvel de Frankfurt.

A revelação foi feita pelo próprio CEO da marca alemã. Em declarações aos jornalistas, no certame germânico, Matthias Müller adiantou que o protótipo, dado a conhecer, pela primeira vez, em Genebra, é só uma amostra do que será a futura família de carros autónomos da Volkswagen. Da qual farão parte, segundo o mesmo responsável, não apenas modelos vocacionados para uma utilização em cidade, mas também propostas mais direccionadas para viagens longas. E até comerciais de menores e maiores dimensões. Sendo que, neste momento, o departamento de Pesquisa e Desenvolvimento está, inclusivamente, a preparar um protótipo de desportivo 100% autónomo.

Segundo Müller, todos estes veículos contarão com o nível máximo da tecnologia de condução autónoma, ou seja, nível 5. O que significa, basicamente, que se tratarão de veículos sem pedais ou volante.

Entretanto, a companhia alemã tem já previsto iniciar os testes com veículos totalmente autónomos num futuro próximo, com o CEO a revelar que, numa primeira fase, as experiências passarão por utilizar os protótipos para transportar os empregados, dentro do perímetro da fábrica, em Wolfsburgo.

Por volta de 2021, serão então constituídas frotas destes veículos, para utilização em algumas cidades (duas a cinco, é a previsão do fabricante) espalhadas pelo mundo. Sendo que o mais provável é que os veículos venham a ser disponibilizados através das empresas de mobilidade Moia e Gett, ambas participadas da Volkswagen.

Recorde-se que o Sedric, cujo nome é uma abreviação de Self-Driving Car (“carro que se conduz sozinho”), não foi o único concept deste tipo que o Grupo Volkswagen levou a Frankfurt. Também a Audi tem exposto no salão alemão o Aicon, um protótipo de veículo autónomo de nível 5, ou seja, sem volante ou pedais. Ainda que, no caso da proposta da marca de Ingolstadt, com um visual bem mais dinâmico e desportivo.

Participe nos Prémios Auto Observador e habilite-se a ganhar um carro

Vote no primeiro concurso em Portugal dedicado ao automóvel cuja votação é exclusivamente online. Aqui quem decide são os leitores e não um júri de “especialistas” e convidados.

Participe nos Prémios Auto Observador e habilite-se a ganhar um carroVote agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Presidente Trump

As semelhanças entre Obama e Trump

João Marques de Almeida

A eleição de Trump foi a derrota das elites bem pensantes e do establishment dos media, que prefere escrever para os seus egos e os seus pares em vez de tentar entender o que se está a passar nos EUA.

Vladimir Putin

Síria: não há forma de lavar a hipocrisia 

José Milhazes

Lavrov apoiou a acção turca porque os ataques visam curdos e outras forças sírias apoiadas pelos EUA. Não é difícil imaginar o regozijo reinante no Kremlin face à luta entre parceiros da NATO na Síria

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site