Coreia do Norte

Pyongyang acusa Trump de ter declarado “guerra”

O chefe da diplomacia norte-coreana acusa Donald Trump de ter declarado guerra à Coreia do Norte. O ministro garante que o país está pronto a abater os bombardeiros norte-americanos que se aproximem.

CIA PAK / UN PHOTO HANDOUT/EPA

O chefe da diplomacia norte-coreana, Ri Yong Ho, afirmou esta segunda-feira em Nova Iorque que o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, “declarou guerra” à Coreia do Norte.

Em declarações aos jornalistas em Nova Iorque, onde está a participar na 72.ª Assembleia-Geral da ONU, o ministro dos Negócios Estrangeiros norte-coreano disse que o regime de Pyongyang está pronto a abater os bombardeiros norte-americanos que se aproximem e sobrevoem o espaço aéreo junto da Coreia do Norte.

No sábado, bombardeiros norte-americanos sobrevoaram águas internacionais próximas da costa da Coreia do Norte para enviar uma “mensagem clara” a Pyongyang, segundo informou o Departamento de Defesa norte-americano (Pentágono), que indicou, na mesma ocasião, que nunca um avião de combate norte-americano esteve tão a norte desde o início do século XXI.

Aviões norte-americanos fazem exercício ao largo da costa da Coreia do Norte

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site