Música

Empresa que representa Salvador Sobral condena “exploração jornalística” da doença do cantor

409

A Fado in a Box, empresa que representa Salvador Sobral, emitiu um comunicado no qual condena a "exploração jornalística vergonhosa acerca da vida privada" do cantor.

Salvador Sobral retirou-se dos palcos no início de setembro

MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

A produtora Fado in a Box, representante de Salvador Sobral, emitiu um comunicado no qual condena, com “grande lástima e tristeza”, a “exploração jornalística vergonhosa acerca da vida privada” do cantor. “Jornalismo esse de carácter totalmente falso e intriguista, na medida em que nenhum meio escreve com conhecimento de causa”, pode ler-se na mensagem publicada na página de Facebook de Sobral.

Salientando que “em muitos países do mundo a exploração da vida privada, reforçada por factos totalmente falsos, é crime”, a Fado in a Box acusou “os seres (des)humanos que se escondem atrás de textos fáceis, puramente sensacionalistas e maldosos” de não serem “capazes de entender que este tipo de violência psicológica para com o seu semelhante pode ser mais destruidora do que qualquer doença”.

“Assim, apelamos para que o público que segue e aguarda pelo regresso do Salvador aos palcos, não embarque nas inverdades contadas todos os dias por meios e gente que não tem outro objetivo que não retirar proveito próprio a partir de uma situação da vida alheia que a mais ninguém diz respeito.”

Salvador Sobral retirou-se dos palcos no início de setembro para ser sujeito a um transplante de coração. O cantor de 27 anos sofre de insuficiência cardíaca e tem estado internado em Carnaxide, na Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital de Santa Cruz, a aguardar por um coração compatível para que possa ser feita a cirurgia. Na altura, Sobral pediu respeito pela sua privacidade e pela da sua família. “Este pedido mantém-se e reforça-se”, garante a Fado in a Box.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rcipriano@observador.pt
Comportamento

A esperança é o café da manhã

Laurinda Alves

O que nos faz agir e transcender em cada dia é a esperança de que alguma coisa se componha, de encontrar sentido para a vida, de evoluir, de perceber mais. E temos esperança pela certeza do inesperado

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site