Futebol

Polícia identificou 20 adeptos da Lazio que usaram imagem de Anne Frank

A polícia de Roma identificou 20 adeptos da Lazio que no domingo utilizaram a imagem de Anne Frank, adolescente de origem judaica vítima do Holocausto, com uma camisola do clube italiano AS Roma.

GIORGIO BENVENUTI/EPA

A polícia de Roma identificou esta sexta-feira 20 adeptos da Lazio que no domingo utilizaram a imagem de Anne Frank, adolescente de origem judaica vítima do Holocausto, com uma camisola do clube italiano AS Roma.

A polícia italiana identificou os infratores através de imagens de vídeo.

De acordo com a polícia de Roma, 13 dos adeptos estão a ser investigados por atos de discriminação racial por “colocar material antissemita com conteúdo ofensivo que poderia incitar o ódio racial”.

As autoridades referiram ainda que 13 dos adeptos da Lazio foram proibidos de participar em eventos desportivos na Itália – 12 deles por cinco anos e um por oito anos, uma vez que esse adepto já é reincidente.

No domingo, no Estádio Olímpico de Roma, alguns ultras da Irriducibili, a principal claque da Lazio, provocaram os rivais da AS Roma ao utilizar a imagem de Anne Frank com a camisola do clube de Roma.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site