Star Wars

“Star Wars: Os Últimos Jedi”. Adam Driver, que interpreta Kylo Ren, pode ter dado um spoiler gigante

Adam Driver, o ator que dá vida ao vilão Kylo Ren, pode ter deixado escapar um enorme spoiler sobre o próximo filme da saga "Star Wars". Em entrevista à GQ, Driver deixou milhões de fãs curiosos.

Adam Driver pode ter falado demais sobre o Episódio VIII da saga "Star Wars"

Getty Images

“Star Wars: O Despertar da Força” chegou às salas de cinema em 2015. E com ele, uma nova personagem tornou-se parte do imaginário que arrasta multidões desde 1977. Rey, protagonista desse Episódio VII, apareceu vinda não se sabe bem de onde nem se sabe bem de quem; ainda assim, todos se apaixonaram por ela. A origem da rapariga tornou-se tema central de muitas discussões entre fãs e o tópico preferido das perguntas feitas aos atores e ao realizador de “Star Wars: Os Últimos Jedi”, o próximo capítulo da saga que chega já em dezembro.

No princípio do mês de outubro, chegou o trailer. E milhões de pessoas no mundo inteiro ficaram de queixo caído. Luke Skywalker falava na “força crua” de Rey e esta, com um ar desesperado, pedia a Kylo Ren que lhe mostrasse “o seu lugar em tudo isto”. O vilão estendeu-lhe a mão e instalaram-se as dúvidas. Será que Rey pertence ao lado negro da Força?

Só que Adam Driver, o ator que interpreta Kylo Ren, pode ter falado mais do que devia e revelado muito daquilo que toda a gente quer saber. Numa entrevista à GQ, quando questionado sobre os pontos de interesse de “Star Wars: Os Últimos Jedi”, Driver respondeu o seguinte: “Temos a identidade escondida de uma princesa que está a esconder quem realmente é para poder sobreviver e ela e o Kylo Ren acabam por se esconder atrás de muitos artifícios”.

Mas então, Rey é uma princesa? Isso quer dizer que é filha da Princesa Leia? Ou seja, irmã de Kylo Ren? Mais especificamente, uma Skywalker? Não sabemos.

Claro que Adam Driver também se pode estar a referir a uma espécie de cliché de “princesa em fuga”, como se Rey estivesse a fugir de algo que quer ficar com o seu enorme poder. Mas esta pequena escorregadela do ator alimenta a teoria que surgiu quando Bob Iger, CEO da Disney, referiu num comunicado que o Episódio VIII da saga é “um próximo capítulo ótimo sobre a icónica família Skywalker”. Ou seja, que este filme é sobre os Skywalker. Quando – oficialmente – nada dizia que Rey pertenceria à família.

Ninguém sabe o que é ou não verdade, por isso, o melhor é mesmo esperar por 14 de dezembro, dia em que “Star Wars: Os Últimos Jedi” chega às salas de cinema portuguesas.

Veja o novo trailer de “Star Wars: Os Últimos Jedi”

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site