Futebol

Jogou o Sporting, falaram Benfica e FC Porto: a nova moda das queixas em 140 caracteres

As novas tecnologias mudaram o futebol. E não, não falamos apenas da ajuda do vídeo-árbitro: foi de novo através do Twitter que FC Porto e Benfica criticaram alguns lances do Sporting-Sp. Braga.

Bruno Fernandes empatou de penálti o Sporting-Sp. Braga em período de descontos

AFP/Getty Images

A temporada 2017/18 ia ser o início de uma nova era no futebol português porque, entre as muitas alterações promovidas pela Federação (como a divulgação pública dos relatórios dos árbitros), passaria a haver ajuda do vídeo-árbitro em todos os jogos da Primeira Liga. No entanto, o que ninguém poderia antever era que as novas tecnologias mudassem tanto o futebol a vários níveis, como na nova moda de criticar arbitragens através do Twitter.

Depois de Benfica e Sporting se terem “unido” nas críticas a algumas decisões de Fábio Veríssimo no FC Porto-Belenenses, visando sobretudo a atuação do central Felipe, desta vez foi o Benfica e o FC Porto que não deixaram passar os lances polémicos do Sporting-Sp. Braga, que terminou com o empate a duas bolas.

Felipe, o central que virou tudo ao contrário e uniu Benfica e Sporting nas críticas

“Golo limpo anulado ao Sp. Braga que nem o video-árbitro viu. Esta é a jornada da vergonha”, escreveu a conta oficial do Departamento de Comunicação do Benfica pouco depois do lance anulado a Fransérgio, que estava em posição legal numa jogada entretanto interrompida mas que daria golo para os bracarenses.

“Um golo mal invalidado, um penálti precedido de falta e uma catrefada de cacetada. Informação adicional, o Felipe está quatro dias de folga”, publicou Francisco J. Marques, diretor de comunicação do FC Porto, abordando não só esse lance de Fransérgio mas também uma possível falta não marcada de Doumbia sobre Ricardo Ferreira na jogada onde Ricardo Horta faria o penálti que deu o empate a Bruno Fernandes nos descontos.

Mas o responsável azul e branco não ficou por Alvalade e, em resposta às críticas feitas a Felipe por um alegado excesso de agressividade em alguns lances, deixou uma mensagem com uma imagem de Luisão numa entrada mais dura na primeira parte do V. Guimarães-Benfica. “Vale tudo é descer notas de árbitros, recolher dados da vida privada e o que mais se saberá no tempo certo. Então falaremos sobre vale tudo”, disse.

Falar, falar, só mesmo António Salvador, presidente do Sp. Braga. O líder arsenalista, que viu o encontro na Tribuna Presidencial ao lado de Bruno de Carvalho, deslocou-se à sala de imprensa de Alvalade para criticar diretamente não só a atuação de Carlos Xistra mas também de Rui Costa, nomeado para o VAR, ao mesmo tempo que admitiu a estranheza pelas suas nomeações dentro do contexto recente que tinha criado.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: broseiro@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site