Estados Unidos da América

O casaco de quase 4 mil euros que Melania Trump usou no Japão

249

Melania Trump pôs os pés no Japão e causou furor. O casaco de 4 mil euros da primeira-dama dos Estados Unidos está a ser falado um pouco por todo o mundo.

O casaco que Melania usou no Japão, um Fendi original, é feito de lã de diferentes cores e alpaca

AFP/Getty Images

As primeiras-damas norte-americanas são, regra geral, ícones da moda mundial. Depois de oito anos a seguir religiosamente Michelle Obama, as revistas e os sites de moda têm agora uma nova musa: Melania Trump. As escolhas da mulher do presidente dos Estados Unidos são analisadas à lupa e escrutinadas até ao último pormenor – seja para dizer bem ou para dizer mal.

Donald Trump viajou até ao Japão em visita oficial e Melania foi com ele. E deu que falar assim que pôs os pés no país asiático. O casaco da primeira-dama, um Fendi original, está a ser comentado no mundo inteiro. Tanto pela elegância da peça, como pelo preço. A verdade é que o casaco, feito com lã de diferentes cores e alpaca, custa 3.700 euros.

Melania Trump combinou o valioso casaco com uns sapatos Manolo Blahnik que, de acordo com o El Español, são os preferidos da primeira-dama. Ainda que a antiga modelo nunca tenha tirado o casaco, os meios internacionais asseguram que, por baixo, Melania vestia uma saia lápis de pele do estilista Hervé Pierre. A corrida ao casaco tem sido grande e a marca já anunciou que só os tamanhos 40 e 42 estão disponíveis.

Mas esta já não é a primeira vez que a primeira-dama dos Estados Unidos faz furor com um casaco. O AOL recorda que, em maio, Melania acompanhou Donald Trump até à Sicília para a cimeira do G7 e impressionou todos os presentes com um Dolce & Gabbana original. O modelo floral custa 37.500 mil euros.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Estado

O Estado e a verdade

Rui Ramos

Este é um Estado que teve seis anos José Sócrates à frente do governo, carregado de suspeitas de corrupção, mentira e conspiração contra o Estado de direito – e nada fez para esclarecer as dúvidas.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site