politica

Secções

Descobrir

Seguir

Sobre

©2018 Observador
António Costa

António Costa escusa-se a comentar “assuntos da vida interna de Angola”

António Costa não comenta aquilo que diz serem "assuntos da vida de interna de Angola". O primeiro-ministro considera a cimeira UE-África uma boa oportunidade para falar com João Lourenço.

Partilhe

JONAS EKSTROEMER/EPA

Autor
  • Agência Lusa

O primeiro-ministro, António Costa, escusou-se esta quinta-feira, em Gotemburgo, a comentar “assuntos da vida interna de Angola”, mas admitiu que a cimeira UE-África na Costa do Marfim constituirá “uma excelente oportunidade” para falar com o Presidente angolano, João Lourenço.

“São assuntos da vida interna de Angola. Não vou estar aqui a tratar de matérias que são da estrita competência interna e da vida interna de Angola, que é um país independente, um Estado soberano e de que somos amigos e irmãos”, respondeu, quando questionado pelos jornalistas sobre a situação naquele país, designadamente as alterações feitas pelo novo Presidente na gestão de empresas públicas angolanas, que incluíram a retirada da Sonangol e do canal público de televisão dos filhos do seu antecessor, José Eduardo dos Santos.

António Costa, que falava à saída de uma “cimeira social” de líderes da União Europeia, na Suécia, ao ser questionado sobre se tem previsto falar com João Lourenço em Abidjan, a 29 e 30 de novembro, por ocasião da cimeira UE-África, disse ser natural que assim aconteça, dado ambos participarem na reunião, e recordou que “não seria a primeira vez”.

“Se surgir essa oportunidade será excelente. Não seria a primeira vez: ainda há muito pouco tempo tive oportunidade de o receber enquanto secretário-geral do PS na sede do Partido Socialista, no Largo do Rato, temos mantido contactos e, portanto, seguramente em Abidjan será uma excelente oportunidade para falarmos”, declarou.