Centeno. "Nada" mudará na política orçamental

Gerador de consensos. É desta forma que Mário Centeno encara o exercício da presidência do Eurogrupo. O cargo não mudará "nada" na política orçamental de Portugal, garantiu.

Por Nuno André Martins, João Cândido da Silva