Crimes Sexuais

“[Os homens] simplesmente não compreendem”. Atrizes Minnie Drive e Alyssa Milano criticam Matt Damon após comentários sobre abuso sexual

299

"[Os homens] simplesmente não compreendem o que é ser vítima de abuso numa base diária". Minnie Driver e Alyssa Milano criticaram o ator Matt Damon após os comentários sobre abusos sexuais.

Ethan Miller/Getty Images

As atrizes Minnie Drive e Alyssa Milano não pouparam críticas a Matt Damon após os comentários do ator sobre os abusos sexuais (e as suas diferenças). “[Os homens] simplesmente não compreendem o que é ser vítima de abuso numa base diária”, afirmou Minnie Driver ao jornal inglês The Guardian.

Numa entrevista à ABC, Matt Damon considerou que as alegações de abusos sexuais por parte de alguns homens em Hollywood fazem parte de um “espectro de comportamento”, ressalvando que há “uma diferença entre bater no rabo de alguém e violação ou abuso de menores”. “É preciso confrontar e erradicar os dois comportamentos, sem dúvida, mas eles não podem ser confundidos.”

“Vivemos nesta cultura de indignação e mágoa, que vamos ter de corrigir para percebermos que ‘Espera, ninguém é perfeito'”, afirmou ainda o ator.

Minnie Driver respondeu aos comentários de Matt Damon no Twitter. “Meu Deus, meu Deus, a sério?”, lê-se no primeiro tweet.

“Meu Deus, é tão *interessante a forma como os homens, com todas estas opiniões sobre a diferenciação que as mulheres fazem entre comportamento sexual inapropriado, agressão e violação, acabam por demonstrar que só ouvem aquilo que querem e, consequentemente, fazem sistematicamente parte do problema (* tão pouco surpreendente)”

Em declarações ao Guardian, a atriz — que teve uma relação com Matt Damon após o filme “O Bom Rebelde” (1997) — explicou que sentiu uma “necessidade desesperada” de dizer alguma coisa. “Apercebi-me que a maioria dos homens, bons homens, homens de quem gosto, não percebe. Eles simplesmente não compreendem o que é ser vítima de abuso numa base diária.

Para Minnie Driver, ninguém pode fazer comentários sobre os abusos de que as mulheres são vítimas. “Não há hierarquia no que toca aos abusos — se uma mulher é violada e muito pior do que uma mulher a quem mostraram o pénis contra a vontade dela… não se pode dizer àquelas mulheres que é suposto uma sentir-se pior do que a outra. Muito menos um homem.”

“Se bons homens como Matt Damon pensam desta maneira, temos um problema. Precisamos de homens bons e inteligentes que digam que tudo isto é mau, que condenem isto tudo e recomecem do zero”, acrescentou.

Alyssa Milano também criticou Matt Damon no Twitter. “Estamos numa ‘cultura de indignação’ porque o tamanho da raiva é, de facto, revoltante. E é justa”, lê-se na publicação.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rporto@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site