Itália

Inter de Milão empata e atrasa-se na perseguição ao líder Nápoles

O Inter de Milão empatou sem golos com a Lazio e atrasou-se na perseguição ao líder, o Nápoles, que venceu o Crotone, por 1-0.

MATTEO BAZZI/EPA

Autor
  • Agência Lusa

O Inter de Milão empatou este sábado sem golos com a Lazio, em jogo da 19.ª jornada da liga italiana de futebol, e atrasou-se na perseguição ao líder, o Nápoles, que na sexta-feira venceu o Crotone, por 1-0.

A formação de Milão, que iniciou o jogo com os portugueses João Cancelo a titular – foi substituído aos 82 minutos – e João Mário no banco de suplentes – entrou aos 73 -, somou um ponto e mantém o terceiro lugar, com 41 pontos, menos três do que a Juventus, que ainda este sábado visita o Verona, e menos sete do que o Nápoles.

No jogo deste sábado, que mantém no quinto lugar a 11 pontos do líder, o português Nani entrou em campo aos 83 minutos para o lugar de Milinkovic, e Pedro Neto não saiu do banco.

A última jornada de 2017 fica marcada pela primeira vitória de sempre do Benevento na liga italiana de futebol.

O lanterna-vermelha da liga italiana, que à partida para a ronda somava apenas um ponto — conseguido no empate a dois golos com o AC Milan –, venceu em casa o Chievo, por 1-0.

A 19.ª jornada fica completa este sábado com o jogo entre a pentacampeã Juventus e o Verona, que pode voltar a colocar os hexacampeões italianos a um ponto do líder Nápoles.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Presidente Trump

As semelhanças entre Obama e Trump

João Marques de Almeida

A eleição de Trump foi a derrota das elites bem pensantes e do establishment dos media, que prefere escrever para os seus egos e os seus pares em vez de tentar entender o que se está a passar nos EUA.

Vladimir Putin

Síria: não há forma de lavar a hipocrisia 

José Milhazes

Lavrov apoiou a acção turca porque os ataques visam curdos e outras forças sírias apoiadas pelos EUA. Não é difícil imaginar o regozijo reinante no Kremlin face à luta entre parceiros da NATO na Síria

Presidente Trump

As semelhanças entre Obama e Trump

João Marques de Almeida

A eleição de Trump foi a derrota das elites bem pensantes e do establishment dos media, que prefere escrever para os seus egos e os seus pares em vez de tentar entender o que se está a passar nos EUA.

Vladimir Putin

Síria: não há forma de lavar a hipocrisia 

José Milhazes

Lavrov apoiou a acção turca porque os ataques visam curdos e outras forças sírias apoiadas pelos EUA. Não é difícil imaginar o regozijo reinante no Kremlin face à luta entre parceiros da NATO na Síria

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site