Pornografia

Após o falso alarme do Havai, “site” porno quebra recordes

312

Os havaianos entraram em pânico com o alarme de bombardeamento (que rapidamente foi desmentido). Após o alívio, a população acedeu ao "site" pornográfico Pornhub em números recorde.

O pânico durou 38 minutos. E mesmo depois do rápido desmentido por parte das autoridades, de que um bombardeamento estaria iminente, muitos havaianos continuaram a correr pelas ruas à procura de abrigo, sem saber aquilo em que acreditar. Mas nem todos: muitos havaianos preferiram respirar de alívio no recato das suas casas (presumivelmente) e dos seus computadores pessoais, optando por visitar sites pornográficos em números recorde.

A fazer fé nos dados divulgados pelo Pornhub, o site porno com mais visitantes em todo o mundo, houve um salto recorde no tráfego do site proveniente daquele estado norte-americano 15 minutos depois de ter saído o aviso de falso alarme. Houve 48% mais tráfego no site do que a média para aquela hora — eram 9 da manhã.

O Pornhub não divulga dados totais, apenas desvios face à média, em percentagem. O tráfego baixou drasticamente nos minutos após o alerta, mas assim que se percebeu que era um falso alarme, muitos havaianos recuperaram o tempo perdido.

“A julgar pelas visualizações de páginas (page views) em tempo real, ao minuto, e comparando com os mesmos níveis dos dois sábados anteriores, os nossos estatísticos encontraram uma queda dramática do tráfego às 8h07, imediatamente após o envio do aviso”, explicou o Pornhub. Depois, a julgar pela forte subida do tráfego, “os havaianos respiraram de alívio, coletivamente” e “aqueles que quiseram um pouco mais de alívio visitaram o Pornhub, levando o tráfego a subir para 48% mais do que o tráfego normal àquela hora”.ds

A população do Havai, nos Estados Unidos, recebeu um falso alerta, via telemóvel, de ameaça de um míssil balístico que alegadamente se dirigiria para aquele estado norte-americano. O alerta foi enviado no sábado de manhã para todos os habitantes do Havai, com a informação de que estaria iminente um ataque com um míssil balístico contra aquele território.

Pouco depois, o senador democrata do Havai, Tulsi Gabbard, e a Agência de Gestão de Emergências garantiram, através da rede social Twitter, que o alerta era falso e que não havia qualquer ameaça. O porta-voz do Comando do Pacífico dos Estados Unidos, David Benham, explicou que a mensagem foi enviada por erro.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: ecaetano@observador.pt
Emprego

Em casa de Ferraz, competitividade de pau

Luís Aguiar-Conraria

Declarações como as de Ferraz da Costa, do Fórum para a Competitividade, dão a entender que uma parte dos empresários continua viciada em baixos salários. Estava na altura de serem mais competitivos,

Startups

Foguetório empresarial

Maria João Marques

Não há nada que irrite mais o português médio que o arrojo e a ousadia alheia. O atrevimento, as ambiciosas ideias de uns têm o condão de iluminar o conformismo dos restantes, o que ninguém leva a bem

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site