Globos de Ouro

Gucci vai à frente, Chanel é a mais cara: no leilão de vestidos dos Globos, quem vale mais?

Até sexta-feira, 39 vestidos e fatos pretos usados na cerimónia dos Globos de Ouro são leiloados no eBay. As receitas revertem para o movimento Time's Up.

Meryl Streep, Reese Whitherspoon, Michelle Williams, Nicole Kidman e muitas outras — o apoio das convidadas dos Globos de Ouro não acabou no momento em que se vestiram de preto para pisar a passadeira vermelha, no dia 7 de janeiro. Na última sexta-feira, 39 vestidos e fatos usados pelas celebridades na grande gala foram a leilão no eBay. As receitas revertem para o Time’s Up Legal Defense Fund, o movimento criado para defender as vítimas de abuso e assédio sexual e descriminação de género no local de trabalho.

As licitações já começaram e o vestido mais valioso é o de Caitriona Balfe, protagonista da série Outlander. A atriz usou um modelo de alta-costura Chanel, cujo o valor base ultrapassa os 16 300 euros. Ligeiramente acima dos 8.000 euros estão os vestidos de Nicole Kidman, da casa francesa Givenchy, Laura Dern, que usou uma criação Armani, e o da atriz irlandesa Saoirse Ronan, um Atelier Versace adornado com cristais Swarovski. Se for para falar em licitações, então é o Gucci de Dakota Johnson que vai à frente. Já teve 16 licitações e ultrapassou a barreira dos 4.000 euros.

Também os homens alinharam nesta ação solidária. Daniel Kaluuya, Hugh Jackman, Neil Patrick Harris, Jude Law e o anfitrião Seth Meyers cederam os seus fatos para o leilão, com o look Brioni de Jackman à frente nas licitações (mais de 2.500 euros). O leilão decorre com o apoio da Condé Nast, grupo editorial que detém as revistas Vogue, GQ, Vanity Fair, entre outras.

Mais do que as celebridades que as usaram, são as marcas e designers das peças o verdadeiros benfeitores. Nomes como Dolce & Gabbana, Chanel, Louis Vuitton, Christian Dior, Gucci, Givenchy, Saint Laurent e Prada abdicaram destes exeplantes, alguns de alta-costura, em prol da causa.

Mas nem todos os looks estão abertos a licitações. Os vestidos Rosie Assoulin de Mandy Moore e Diane Von Furstenberg de Madeline Brewer e o fato Stella McCartney usado por Claire Foy vão ser sorteados no final do leilão. Para estar habilitado basta fazer um donativo de 25 dólares (20,40 euros) ao movimento Time’s Up.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: mgoncalves@observador.pt
Globos de Ouro

Hollywood, a contradição e o ridículo

Bernardo Sacadura
283

A mesma Hollywood que aplaude de pé o discurso de Oprah Winfrey é a que aplaude de pé Roman Polanski, alguém que confessou ter drogado e abusado sexualmente de uma criança de 13 anos. 

Civilização

Globos de Ouro, elites de palha

António Pedro Barreiro
313

Uma moral sexual radicada unicamente no consentimento é menos ética e mais vulnerável às relações de poder. Os Globos de Ouro teriam sido uma bela oportunidade para o dizer. Obviamente, não o foram.

Eutanásia

Eutanásia: uma falsa compaixão

João Muñoz de Oliveira

Todos sabemos que a vida não nos pertence por completo: foi-nos dada pelos nossos pais como um dom, pelo que não temos domínio absoluto sobre ela. E este ponto reforça os argumentos contra a eutanásia

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site