Logo Observador
hcoelho@observador.pt

1989. O ano da queda do muro de Berlim, do massacre na praça de Tiananmen, do fim de longas ditaduras na América Latina, da morte de Salvador Dali e de Bruce Chatwin, do primeiro telemóvel em Portugal. E também o ano em que dei os primeiros passos no jornalismo. Uma caminhada que me levou pelo Semanário, depois pela Visão, de onde saí para a direção executiva da revista Ideias & Negócios. Fui editora da Sábado, fiz parte da equipa fundadora da Dia D, revista semanal de economia do Público, onde fui editora executiva, mais tarde integrei a direcção do Diário Económico e editei programas do canal ETV. Conto ainda com uma passagem pela revista Veja, no Brasil. Licenciei-me em Ciências da Comunicação, na Universidade Nova de Lisboa, mas já voltei às salas de aula em São Paulo e, mais recentemente, Washington. As grandes reportagens na área da economia e negócios valeram-me três distinções: primeiro, a de 'Jornalista Revelação' em 1996 pelo Clube Português de Imprensa, depois o prémio de 'Jornalismo Económico' da Universidade Nova de Lisboa e uma menção honrosa no 'Prémio Citigroup de Jornalismo’. Contar o mundo e as histórias de vida de quem, a bem ou a mal, o faz girar é o que me mantém nesta aventura, agora no Observador, desde Janeiro de 2017.

Artigos publicados

Comentários Publicados

Nenhum comentário publicado