Obrigações

Oi

PT/Oi. 2000 aderiram para receber 24 milhões

Mais de 2000 obrigacionistas portugueses aderiam à proposta de acordo para receber parte da dívida que a operadora brasileira deixou de pagar. Em causa estão reembolsos de 24 milhões de euros.
Economia

Portugal regressa ao mercado para se financiar

Portugal vai regressar aos mercados na próxima semana para arrecadar até 1.250 milhões de euros em Obrigações do Tesouro a dez anos, anunciou a Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública.
Oi

Oi adia assembleia para negociar com credores

Operadora brasileira Oi adiou a assembleia de credores, agendada para 9 de outubro, para o dia 23 do mesmo mês. Objetivo é negociar plano de recuperação que convença os credores e novos investidores.
Oi

PT. Obrigacionistas podem receber até 12 mil euros

Investidores de retalho em dívida da antiga PT podem vir receber até 12 mil euros se aderirem ao programa para acordo com os pequenos credores da Oi. Plano é votado no dia 9 de outubro no Brasil.
Novo Banco

Novo Banco. Acaba prazo para aceitar recompra

Prazo para aceitar proposta de recompra de obrigações termina esta quarta-feira, às 9h00. Instituição espera reforçar capitais próprios em pelo menos 500 milhões de euros.
Obrigações

Subscrição de nova série de obrigações abre hoje

A subscrição da quinta série de Obrigações do Tesouro de Rendimento Variável (OTRV) começa esta segunda-feira. A emissão das OTRV promove a aplicação da poupanças dos aforradores em títulos de dívida.
Bolsa

Obrigações FC Porto SAD 2017-2020. Finte-as

999
Tal como as recentes obrigações do Benfica, a nova emissão é boa para a SAD (que, apesar de estar em falência técnica, paga pouco) e para os bancos (que cobram muito), mas não para os investidores.
Bolsa

Obrigações Benfica SAD. Fique longe deste jogo

1.075
As novas obrigações são boas para a SAD (que paga pouco) e para os bancos (que cobram muito), mas não para os investidores. Há risco de incumprimento e o retorno fica perto do melhor depósito.
Oi

Recuperação judicial da Oi reconhecida em Portugal

O processo de recuperação judicial da operadora Oi, que corre nos tribunais brasileiros, foi reconhecido na justiça portuguesa. Muitos investidores portugueses em obrigações PT reclamam créditos.
Estados Unidos da América

EUA multam Moody's em 864 milhões

117
Agência de notação financeira Moody's acordou pagar uma multa de 864 milhões de dólares pelo seu papel na sobreavaliação de obrigações hipotecárias de alto risco antes da crise de 2008.
PT

Oi pede proteção de credores em Portugal

A brasileira Oi apresentou um processo de proteção de credores na justiça portuguesa, ao abrigo do Processo Especial de Revitalização (PER).
Novo Banco

Novo Banco antecipa pagamento de obrigações

O Novo Banco antecipou esta sexta-feira o pagamento de uma emissão de obrigações seniores no valor de mil milhões de euros, que vencia no final do ano.
Obrigações

Obrigações PT. CGD não dá todos os documentos

Alguns clientes da Caixa estão a sentir dificuldade em obter certidão sobre o investimento em obrigações da antiga Portugal Telecom para reclamar o crédito junto da Oi. Prazo termina a 10 de outubro.
Oi

Obrigacionistas PT podem reclamar dívida à Oi

PT Finance, empresa responsável por pagar as obrigações da antiga PT, é um dos maiores credores da Oi. Mas obrigacionistas podem reclamar dívida à operadora brasileira. Têm 15 dias.
Oi

Credores podem ficar com até 85% da Oi

Plano de recuperação judicial entregue pela operadora brasileira pode representar 70% de perda do capital em dívida para os detentores de obrigações.
Obrigações

Especial/ PT. Pequenos investidores perdem até 500 milhões

154
Bancos venderam produtos financeiros complexos, expostos ao risco das obrigações da antiga PT, a clientes de retalho. Investimentos de 900 milhões de euros sofrem perdas que podem ultrapassar 80%.
Bolsa

Especial/ Gulbenkian está a minguar. A bolsa pode salvá-la?

240
Desde 1959 que a Gulbenkian não distribuía tão pouco dinheiro à sociedade. No seu 60.º ano, a administração conta com a bolsa para crescer, mas a volatilidade nos mercados é uma ameaça de curto prazo.
Mercados Financeiros

IGCP vai ao mercado emitir dívida de longo prazo

Portugal regressa hoje ao mercado de dívida internacional e espera angariar até 1.250 milhões de euros através da emissão de dívida a seis e a dez anos.
Obrigações

Santander Totta lança emissão obrigacionista

O Santander Totta lançou uma emissão de obrigações subordinadas a 10 anos com um juro de 7,5% destinadas aos clientes com obrigações subordinadas do Banif.
Novo Banco

Novo Banco propõe recompra de obrigações

O Novo Banco anunciou, no âmbito do seu plano de reestruturação, uma proposta de recompra de obrigações com maturidade em 2019 e 2022, prevendo investir com a operação até 500 milhões de euros.
CMVM

Ações da Pharol e Obrigações PT suspensas

A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) anunciou, em comunicado, a suspensão da negociação das ações da Pharol e da emissão de "Obrigações PT Taxa Fixa 2012/2016".
Oi

Oi avança com pedido de recuperação judicial

Operadora brasileira Oi, que ficou responsável pelo pagamento da dívida da antiga PT, avançou com um pedido urgente de recuperação judicial. Reembolso das obrigações de retalho em risco.
Oi

Obrigações PT. Desconto ou troca por dívida da Oi

Há 2 cenários de reestruturação: resgate antecipado ou troca de obrigações da PT por divida da Oi, adiando reembolso. Mas o tempo aperta. Eventual incumprimento deve ser reportado até meados de julho
Oi

Oi quer comprar obrigações da antiga PT a desconto

As obrigações de retalho emitidas pela antiga PT estão abrangidas pela renegociação da dívida da operadora Oi. A proposta previa a compra antecipada dos títulos com desconto. Ainda não há acordo.
Obrigações

Obrigações PT. Incerteza a dois meses do reembolso

A Oi está a renegociar a dívida. Obrigações da antiga PT vendidas a pequenos investidores podem ser apanhadas e sofrer perdas. Em causa estão 200 a 300 milhões a reembolsar até final de julho.
Bolsa

Especial/ Gomes da Silva. "As bolsas estão sobreaquecidas"

185
O diretor do Montepio acredita que as bolsas cairão até ao final do ano e, por isso, tem algum dinheiro à espera em depósitos a prazo. Quanto à corretora DeGiro, diz que a concorrência é desleal.
REN

REN emite obrigações a sete anos de 550 milhões

A REN realizou uma emissão obrigacionista a sete anos, tendo conseguido encaixar 550 milhões de euros, com uma taxa de juro de 1,82%.
Governo

Subscrições das OTRV abrem a 26 de abril

A subscrição pública de Obrigações do Tesouro de Rendimento Variável vai decorrer entre 26 de abril e 16 de maio.
Banca

Especial/ Custos de bolsa. Corte-os a 20 euros por ano

Os investidores mais inteligentes e mais rentáveis negoceiam menos na bolsa. Se apontar as suas compras trimestrais para o longo prazo, minimiza as comissões anuais a 20 euros no intermediário certo.
BCP

Dívida. BCP oferece-se para reembolsar 300 milhões

Banco liderado por Nuno Amado disponibilizou-se para antecipar o reembolso de três obrigações que vencem em 2017, 2036 e 2058. Montante a recomprar limitado a 300 milhões de euros.
Novo Banco

Novo Banco. Peritos excluem evento de crédito

Transferência de dívida do Novo Banco para o BES não constitui evento de crédito. Decisão de painel de peritos afasta a possibilidade dos investidores acionarem derivados de cobertura de risco.
Mercados Financeiros

Especial/ O "sucesso" que deixou uma fatura de mil milhões

1.932
Fevereiro de 2011. Última emissão longa do governo Sócrates. Um analista lembra que foi arrancada "a ferros" para "adiar o inevitável" – a ajuda da troika. A 6,4%, custou ao país mil milhões em juros.
Fundos de Investimento

7 fundos estranhos para condimentar a sua carteira

O património não tem de estar sempre dividido entre ações e obrigações dos mercados desenvolvidos. Porque não adicionar robôs, dívida africana ou, mesmo, volatilidade à carteira?
Dívida Pública

Dívida portuguesa. Investidores devem ter cautela

114
Uma análise do Commerzbank identifica os vários factores que estão a pressionar os juros da dívida portuguesa. O epicentro são as críticas internacionais à proposta do Orçamento do Estado.
Dívida Pública

Juros a dez anos acima dos 3,3%

424
A pressão dos mercados sobre a dívida soberana de Portugal aumentou esta segunda-feira fazendo subir os juros das obrigações no prazo dos 10 anos acima dos 3,3%.
Fundos de Investimento

Especial/ Descubra os únicos 55 fundos que valem a pena

166
Os bancos inundam o mercado com produtos pouco interessantes. Em cada 60 fundos, 59 não merecem o seu dinheiro. O Observador analisou 3.349 fundos para que não se afogue em tanta oferta.
Fundos de Investimento

Especial/ O melhor fundo de 2015? Recomendámo-lo há 1 ano

A recomendação do BlackRock European Opportunities Extension, gerido em Londres, conduziu a ganhos de 26,18%, o máximo entre 3.349 produtos. Há também um fundo português entre os dez mais rentáveis.
Novo Banco

PIMCO compara governo português ao venezuelano

616
É uma das maiores gestoras de ativos do mundo e um dos investidores na dívida do Novo Banco que voltou para o BES. Num artigo de opinião no "Financial Times", não poupa críticas a Portugal.
Novo Banco

Credores séniores ajudam a pagar recapitalização

Detentores da dívida com maior qualidade – a dívida sénior – tinham sido protegidos mas vão, afinal, ser chamados a pagar a recapitalização. Esta era uma das exigências de Catarina Martins, do BE.
Dinheiro

Especial/ Onde investir em 2016. Dos depósitos até às ações

271
Encontrámos taxas anuais até 2,15% em depósitos de curto prazo, certificados que podem render mais de 1,61% por ano e quatro fundos e sete ações para investir na bolsa até ao final de 2016.
Obrigações

Novo produto de poupança do Estado esta quinta

As regras que regulam a comercialização pelos bancos das Obrigações do Tesouro de Rendimento Variável, um produto novo de poupança para investidores de retalho, publicadas em Diário da República.
Poupança

Especial/ Taxas zero. Os depósitos ainda valem a pena?

A ministra das Finanças prometeu um novo produto de aforro para particulares, mas, até ser lançado, descubra quais os melhores produtos de poupança de baixo risco para o seu dinheiro.
Economia

Particulares vão poder negociar dívida pública

113
Governo vai lançar um novo produto de financiamento do Estado. As Obrigações do Tesouro de rendimento variável serão subscritas em bancos, mas podem ser negociadas em bolsa por particulares.
Mundo

Há dívidas que são eternas. Esta já vem desde 1648

215
Em 1648 a Autoridade da Água Holandesa emitiu uma obrigação escrita em pele de cabra. A Universidade de Yale comprou o artefacto em 2003 e agora reclama os juros da obrigação que lhe são devidos.
Obrigações

Obrigações do Benfica rendem 45 milhões de euros

A Oferta Pública de Obrigações do Benfica, cujos resultados foram apresentados na Bolsa de Lisboa, renderam à SAD benfiquista 45 milhões de euros.
Fundos de Investimento

Especial/ Emoções ficam na cama. Ganhe em piloto automático

Vá buscar os extratos antigos das contas bancárias. Encontre a calculadora. Os leitores pediram-nos provas: está na hora de descobrir que mais valia ter ficado sossegado com fundos de índice.
Fundos de Investimento

Especial/ Invista sem emoções. Ligue o piloto automático

219
Não precisa de ser um robô para evitar cometer erros nos seus investimentos. Aplique o seu dinheiro através de fundos de índice e elimine as emoções humanas que afastam a sua carteira dos ganhos.
Montepio

Obrigações.Montepio pode adiar pagamento de juros 

361
A assembleia de obrigacionistas do Montepio aprovou o adiamento do pagamento de juros e o fim da possibilidade de resgate antecipado dos títulos que vencem em 2018. O grupo também votou.
Bolsa

Finte as obrigações do Sporting e do FC Porto

322
As sociedades anónimas desportivas estão a recolher interessados nas obrigações a três anos. As taxas brutas são altas, até 6,5% por ano, mas não são suficientes para apagar os riscos de falência.
Economia

Tempestade perfeita? Não no BES, mas nos mercados

O presidente da Comissão de Mercado e Valores Mobiliários alerta para o risco de sobrevalorização das obrigações das empresas e soberanas. No balanço de dez anos de CMVM, Carlos Tavares pede bom senso
Fundos de Investimento

Especial/ Saiba o que comprar no seu supermercado de fundos

Os supermercados de fundos, bancos que contam às centenas os produtos que oferecem aos clientes, estão a esmagar os aforradores com tanta oferta. Se está perdido, encontre o seu norte neste artigo.
Fundos de Investimento

Especial/ Quer investir para o longo prazo? Comece com 200€

178
Comece já a investir numa carteira de longo prazo através de fundos de investimento. Duas centenas de euros permitem-lhe começar agora. Se já tem uma carteira, descubra se está no bom caminho.
Fundos de Investimento

Especial/ Só 3% dos fundos merecem o seu dinheiro

150
O Observador esteve quatro semanas a examinar os fundos de investimento disponíveis aos aforradores portugueses. Embora a oferta totalize 3.365, os bons produtos reduzem-se aos que estão neste artigo.
Taxas de Juro

Especial/ Quer boas taxas em 2015? Não conte com depósitos

108
Os depósitos a prazo rendem menos do que a inflação. O Observador inspecionou dívida pública e obrigações de empresas para destapar as melhores aplicações de baixo risco para 2015.
Dia Mundial da Poupança

Tenha cuidado ao investir na dívida de empresas

A euforia na colocação na bolsa de dívida de empresas portuguesas já passou. Tenha cuidados acrescidos neste mercado difícil.
Dia Mundial da Poupança

Descubra soluções conservadoras para o longo prazo

Nem todos têm estômago para os altos e os baixos da bolsa. Para os aforradores conservadores também há instrumentos financeiros para fazer aplicações de longo prazo.
Dia Mundial da Poupança

Saiba sempre o prazo para a sua aplicação

O mais importante para decidir quanto risco suporta a sua poupança é o prazo estimado de quando precisará do dinheiro. Quanto mais tempo tiver, mais pode arriscar.
Fundos de Investimento

Em busca de alternativas ao "rei das obrigações"

Quando Bill Gross deixou a Pimco, os investidores portugueses deixaram de poder investir no seu fundo de investimento. Há, porém, alternativas.
Dívida Pública

Procura atinge 9 mil milhões em emissão a 15 anos

IGCP diz que 94,1% da dívida foi colocada junto de investidores estrangeiros, mas a maioria são gestores de fundos. Fundos de pensões e seguradoras só asseguram 13,2% da emissão.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site