Ascendi

Mota-Engil

Mota-Engil vende autoestradas por 600 milhões

129
A Mota-Engil chegou a acordo com o fundo internacional Ardian para a vender a segunda maior rede de autoestradas de Portugal por 600 milhões de euros. Negócio exclui a Lusoponte.
Autoestradas

A41 reabre na totalidade no sábado

A A41, cujo piso aluiu a meio de fevereiro em Alfena abre sábado, disse a Ascendi, concessionária responsável por esta autoestrada que prevê abrir já esta noite o sentido Maia-Alfena.
Autoestradas

1.ª fase de obras na A41 terminará esta semana

A Ascendi, empresa responsável pela A41, avançou que a primeira fase das obras deve ficar concluída este fim de semana, depois do abatimento da estrada em Alfena, Valongo.
Novo Banco

Gestores do Novo Banco perdem 20% do ordenado

Nos próximos meses, o banco vai implementar um plano para se libertar de participações herdadas do Banco Espírito Santo, com vista à venda da instituição.
Ascendi

Novo Banco e Mota-Engil querem vender a Ascendi

Até 60% do capital da empresa de concessões rodoviárias deverá ser vendido. Mas Novo Banco e Mota-Engil não querem que nenhum investidor fique com a maioria do capital da empresa.
Ascendi

Mota-Engil encontra parceiro para as autoestradas

O mega-fundo internacional Ardian pretende investir 300 milhões de euros na Ascendi, a concesssionária de autoestradas da Mota-Engil e quer explorar a paisagem nacional de infraestruturas.
Parcerias Público Privadas

PPP. 6 acordos fechados, 10 em negociação

417
O governo aprovou os novos contratos de seis concessões que permitem poupança de 2000 milhões de euros. Ainda falta o sim do Tribunal de Contas. Há mais 10 concessões em negociação para baixar custos.
Portagens

Mais de 300 mil espanhóis com dívidas de portagens

Mais de 300 mil proprietários de veículos espanhóis estão na lista de dívidas de cerca de 80 milhões de euros às autoestradas Ascendi e Brisa que são reclamadas por escritório de advogados em Huelva.
Portagens

Espanhóis passam nas autoestradas sem pagar

194
Cerca de 300 mil condutores espanhóis serão notificados para pagarem as portagens das autoestradas portuguesas. Se após 8 a 15 dias depois da notificação não o fizerem, o processo segue para tribunal.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site