Logo Observador
A carregar o leitor...
Atualidade

Miguel Seabra, da FCT: “Há áreas que vão ser mais financiadas do que outras”

As estratégias de especialização inteligente vão definir as prioridades de investigação. O resultado será mais investimento nalgumas áreas, como o mar, e menos investimento noutras.