Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Apesar de os rumores em contrário, e do que a FIFA anunciou, Jennifer Lopez confirmou a sua presença na cerimónia de abertura do Campeonato do Mundo de 2014. A cantora sobe ao relvado esta quinta-feira, em São Paulo, ao lado de Pitbull e da pop star brasileira Cláudia Leitte. E o que vai o trio cantar? Nada mais, nada menos, do que a música oficial do evento, We Are One (Olé Olá).

A presença foi garantida à revista People por um representante da cantora. “Ela vai lá estar. A Jennifer sempre quis participar nas cerimónias de abertura do campeonato mundial”. O mesmo acrescentou que a artista não tenciona desapontar os fãs, muito menos os adeptos do desporto onde a bola é rainha. Lopez vai cantar o hino oficial da FIFA antes do primeiro jogo da competição, disputado entre o Brasil e a Croácia, a acontecer às 17h00 (hora local).

A canção desta edição está, no entanto, envolta em polémica e terá desiludido muitos brasileiros. Os argumentos? Que é demasiado genérica, tendo em conta o estilo popular e nacional do Bossa Nova, e que tem por base artistas estrangeiros a cantar, sobretudo em inglês e em espanhol.

Há quatro anos o cenário foi bem diferente, com a colombiana Shakira a dar vida aos ritmos mexidos da canção Waka Waka (This time of Africa). Estávamos em 2010 e na África do Sul. Cerca de 1.500 performers fizeram a festa, que contou também com as participações do presidente sul-africano Jacob Zuma e de Desmond Tutu. Segundo o Globo, foi a primeira vez que a abertura de um campeonato do mundo foi feita num evento à parte, um dia antes do primeiro jogo.

performs a song during the kick-off celebration concert for the 2010 FIFA World Cup at the Orlando Stadium on June 10, 2010 in Soweto, South Africa.

Shakira em 2010 – Stuart Franklin/Getty Images

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Já na Alemanha, a dupla Pelé e Claudia Schiffer fizeram furor quando, em 2010, ambos se apoderaram da cobiçada taça em pleno campo. Mas não foram os únicos a reclamar por atenção: 150 ex-campeões mundiais estiveram presentes. Nesse ano, a Itália seria vencedora, eliminando a França na última partida.

Munich, GERMANY:  Brazil's football legend Pele and German top model Claudia Schiffer joke on the stage during opening festivities at Munich's World Cup Stadium ahead of the opening 2006 World Cup match between host Germany and Costa Rica, 09 June 2006. The month-long football extravaganza involving the world's top 32 teams begins in Munich and finishes with the final in Berlin 09 July.  AFP PHOTO / DDP / TORSTEN SILZ  (Photo credit should read TORSTEN SILZ/AFP/Getty Images)

Pelé e a modelo alemã, 2006 – AFP/Getty Images

Em 1998, o estádio Stade de France foi transformado num jardim mágico. Nele, a canção La Copa de la Vida esteve ao comando das cordas vocais de Ricky Martin. O single ajudou o artista a lançar a sua carreira internacional. Quase 20 anos depois, Martin regressa ao “palcos” do mundial. Não para interpretar o hino oficial, mas para cantar Vida, escrita pelo americano Elijah King, que ganhou o concurso SuperSong 2014.

SAINT-DENIS, :  Portorican singer Ricky Martin performs 12 July on the pitch of the Stade de France in Saint-Denis, near Paris, moments before the 1998 Soccer World Cup final match between Brazil and France. (ELECTRONIC IMAGE) AFP PHOTO GABRIEL BOUYS (Photo credit should read GABRIEL BOUYS/AFP/Getty Images)

Ricky Martin momentos antes do último jogo do campeonato do mundo, em 1998 – GABRIEL BOUYS/AFP/Getty Images

Na história das cerimónias de abertura também se contam lacunas. É o caso daquela nos Estados Unidos, corria o ano de 1994. Além de Oprah Winfrey ter caído enquanto fazia o que faz de melhor, apresentar, Diana Ross falhou num penálti que, ao que parece, seria difícil não dar em golo. No evento que marcou o final do campeonato foi a vez de Whitney Houston subir ao palco.

17 JUL 1994 :  WHITNEY HOUSTON SINGS DURING THE CLOSING CEREMONY OF THE WORLD CUP BEFORE THE ITALY V BRAZIL 1994 WORLD CUP FINAL AT THE ROSE BOWL STADIUM IN PASADENA CALIFORNIA. Mandatory Credit: Billy Stickland/ALLSPORT

Whitney Houston, em 1994 – Getty Images

Em 2014, a 20º cerimónia será realizada no estádio Arena Corinthians e terá uma duração de 25 minutos. Como vai decorrer em pleno dia, não está previsto qualquer fogo de artifício, mas a capoeira (artes marciais que combinam elementos de dança, acrobática e música) já reservou lugar de destaque.