António José Seguro vê com “grande preocupação” a notícia dos prejuízos do 1.º semestre de 2014 do Banco Espírito Santo, divulgados esta quarta-feira pelo banco. “São notícias extremamente preocupantes. Não eram estas as informações que eu tinha, nem eram estas as informações que me tinham sido dadas, nomeadamente pelo governador do Banco de Portugal (BdP)”, disse o líder do Partido Socialista que se encontra em Vila Nova de Gaia.

“Manifesto a minha grande preocupação com os números divulgados hoje”, disse o líder socialista que, há três semanas, reuniu com Carlos Costa para analisar o sistema bancário português. No final da reunião, Seguro afirmou que a sua preocupação com a situação do sistema bancário e nacional “diminuiu”, na sequência dos esclarecimentos que obteve por parte do governador do BdP.

O secretário-geral do PS considerou ainda que os portugueses “não podem ter mais surpresas negativas por parte do sistema financeiro e bancário em Portugal” e que é necessário “esclarecer toda a verdade”. “Os portugueses têm direito a saber toda a verdade e a saber com transparência tudo o que se tem passado estes anos no banco”, acrescentou. Estas notícias, concluiu, “exigem das autoridades responsáveis um esclarecimento”.