Em pré-campanha eleitoral para as primárias do PS, o PSD parece estar a dar uma ‘ajudinha’ a António José Seguro. O PSD-Lisboa lançou esta sexta-feira um site chamado LXnoticias para, em tom de notícias, explicar o que o presidente da Câmara de Lisboa anda a fazer ou não.

Onde para o Costa?” é o título de um dos principais artigos. No texto, António Costa é acusado de estar “mais preocupado em garantir o seu futuro político como líder do PS e como candidato a primeiro-ministro”. “A Câmara de Lisboa deixa de ter um presidente a exercer funções a tempo inteiro, ficando a câmara sem orientações e estratégias, dando a sensação de ser gerida “ad-hoc” por membros deste executivo, um dia um, outro dia outro, conforme disponibilidade de agendas”, lê-se. O artigo acusa ainda Costa de “repetidas ausências” em reuniões da Assembleia Municipal para discussão de “propostas estruturantes, algumas delas decisivas para o futuro da cidade”.

“É caso para perguntar, onde para António Costa, que há nove meses atrás estava tão empenhado em ser presidente da câmara e agora que tem oportunidade de o ser, não é”, termina o texto.

O site criou ainda uma rubrica satírica sobre onde está Costa. Da mesma forma, foi desenhado um inquérito, em jeito de adivinha, para deixar aos leitores hipóteses de “paragem” de António Costa.

Ondeestacosta@Lxnoticias

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O Lxnoticias tem como objetivo “garantir que a informação chega aos lisboetas e que estes se envolvam na gestão daquela que é a sua cidade”, segundo Sérgio Azevedo, líder da bancada do PSD na Assembleia Municipal de Lisboa e deputado da Assembleia da República. “Não queremos fazer oposição. Queremos fazer informação. Queremos informar”, diz.

O Lxnoticias permite denunciar também os buracos nas ruas de Lisboa, através de um mapa interativo permite aos utilizadores deixarem fotografias localizando estas “falhas”.

O site tem ainda um artigo de Pedro Santana Lopes, ex-presidente da Câmara Municipal de Lisboa. Santana Lopes diz que “Lisboa é iluminada e fascinante” ao mesmo tempo que afirma que a cidade precisa de cuidar do seu património. Com isto, o ex-autarca chama à atenção para a necessidade de repensar no ordenamento e organização do território.

“O dia a dia da nossa cidade merece uma profunda reflexão. As mudanças no trânsito, a sua limpeza, uma cultura de cidade mais verde, são muitos os caminhos para percorrer e ponderar”, sugere Santana Lopes.