Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Zeinal Bava vai receber 5,4 milhões de euros, em 36 parcelas de 150 mil euros, como indemnização pelo facto de ter deixado a presidência executiva da Oi, noticia o jornal brasileiro Valor Económico.

“Assumi o projeto da Oi com uma noção muito clara dos desafios futuros da companhia. Não me arrependo. Arrependemo-nos mais das decisões racionais do que das decisões de coração. A minha decisão de assumir a liderança da Oi foi de coração”, disse Zeinal Bava, numa mensagem de despedida enviada aos quadros da empresa, segundo o Jornal de Negócios.

O ex-presidente executivo da Oi recebeu, segundo o jornal brasileiro Valor Económico, 50 milhões euros, entre remunerações e prémios, durante sua trajetória na Portugal Telecom e o processo de fusão com a Oi.

 

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR