O presidente do Sporting classificou de descabidas as notícias da saída do treinador Marco Silva, em declarações ao canal televisivo do clube leonino. “Confirmo que houve uma reunião entre a administração da SAD e a equipa técnica do Sporting, na qual foram debatidas questões internas, mas daí ler que Marco Silva saiu é descabido”, disse Bruno de Carvalho, pretendendo dar assim por encerradas as notícias que dão conta da saída do atual treinador.

O dirigente leonino acrescentou que “O Marco é o treinador do Sporting e vai estar no banco a fazer o jogo com o Vitória de Guimarães” na segunda-feira, para a Taça da Liga. Na sua declaração, o presidente leonino manifestou a sua preocupação pela reação dos adeptos às notícias que foram saindo nos últimos dias, tendo mesmo acusado a comunicação social de manipulação e de invenção. “Esta é uma altura de acalmia e de dedicar tempo à família. O Sporting tem as suas questões, mas falar em crise é absurdo”, acrescentou Bruno de Carvalho.

O dirigente sportinguista aproveitou para realçar a realização em janeiro da Assembleia-Geral recentemente marcada, referindo que a mesma servirá para debater os mais recentes acontecimentos e que ele próprio irá refletir a sua função de presidente do Sporting. Nos últimos dias, vários órgãos de comunicação social têm dado conta de uma rutura entre o treinador e o presidente do Sporting, que poderia levar mesmo à saída do técnico, contratado no passado defeso ao Estoril-Praia.