A industria discográfica existe há mais de um século, mas a massificação dos discos é uma conversa muito mais recente que passou por várias metamorfoses. Apesar de tudo, já houve tempo para se criarem lendas. Álbuns que se fizeram intemporais pelas canções e pelas vendas. Discos que venderam tantas cópias que são hoje presenças habituais em qualquer coleção.  Eis os 15 discos mais vendidos até hoje.

1. Michael Jackson – Thriller (1982)

“Thriller” vendeu cerca de 65 milhões de unidades, mas se contarmos com a reedição no seu 25º aniversário e todas as cópias piratas, quase que é possível afirmar que Michael Jackson está presente em qualquer coleção de discos.

2. Pink Foyd – The Dark Side of the Moon (1973)

Com uma estimativa de 50 milhões de cópias vendidas, este é dos discos mais populares e aclamados pela crítica do lendário grupo britânico. “The Dark Side of The Moon” é o álbum rock mais vendido da história e o segundo mais vendido a nível mundial. Um eterno clássico, repetido, imitado e venerado por gerações e gerações.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

3. AC/DC – Back in Black (1980)

https://www.youtube.com/watch?v=efmSQrnx7WM

Após a morte de Bon Scott, primeiro vocalista dos AC/DC que morreu afogado no próprio vómito, os AC/DC regressaram com a rasgante voz do novo vocalista Brian Johnson, que ajudou a caracterizar o som distinto da banda australiana. O tema que dá o nome ao disco tem dos riffs de guitarra mais conhecidos da história da música. “Back In Black” é considerado o magnus opus dos AC/DC e as 45 milhões de cópias vendidas justificam isso.

4. Whitney Houston – The Bodyguard (1992)

O filme “The Bodyguard”, protagozinado por Kevin Costner e Whitney Houston, foi um caso sério de sucesso. E um dos factores que mais contribuiu para o sucesso do filme foi a sua banda sonora: 45 milhões de unidades em todo o mundo e um Grammy como disco do ano. É o disco que guarda uma das canções mais emblemáticas da lendária carreira de Houston (que morreu em 2012), que é interpretada em todos os programas televisivos de talentos músicais: “I Will Always Love You”.

5. Eagles – Greatest Hits (1971 – 1975)

A colectânea mais vendida de todos os tempos é dos The Eagles, que junta um bom punhado de clássicos do rock suave norte-americano como “Take it Easy”, “Desesperado” ou “One of These Nights”. 42 milhões de discos foram comprados.

6. Fleetwood Mac – Rumours (1977)

Existem clássicos absolutos que, apesar de serem um só álbum, podiam ser uma junção de singles. E “Rumours”, dos Fleetwood Mac, é um desses exemplos. Vendeu cerca de 40 milhões de cópias graças a populares temas como “Go You Own Way”, “Dont Stop”, “Dreams” e “You Make Lovin Fun”.

7. “Saturday Night Fever” (A Febre de Sábado à noite) (1977)

“Saturday Night Fever” criou uma das imagens mais emblemáticas dos anos 80: um jovem John Travolta a fazer furor na discoteca com os seus passos de dança e estilo. A popularidade do filme só foi possível graças à aplaudida (e dançada) banda sonora que, obrigatoriamente, incluía o lendário falsete dos Bee Gees. Também se dança no filme ao som de Yvonne Elliman, Walter Murphy, Tavares, Kool & The Gang, The Trammps e KC & Sunshine Band. 40 milhões de unidades vendidas foi o resultado.

8. Fantasma da Ópera (1986)

O “Fantasma da Ópera” é um musical com composições de Andrew Lloyd Webber e letras de Charles Hart e Richard Stilgoe. É baseado no romance francês “Le Fantôme de l’Opéra” de Gastón Leroux. Dirigido por Harold Prince e coreografado por Gillian Lynne, o espetáculo estreou em 1986 no teatro londrino West End e, dois anos depois, na Broadway. É inesquecível a sombria, assustadora e épica a  progressão de acordes do órgão da canção que dá nome ao musical. 40 milhões de cópias vendidas e muitos outros recordes foram batidos.

9. Shania Twain – Come on Over (1997)

Este álbum de Shania Twain quebrou vários recordes de vendas por todo o mundo, convertendo-se no álbum mais vendido por uma artista feminina, o álbum country mais vendido de todos os tempos e o mais lucrativo da década de noventa. O disco dos hits “Man I feel Like a Women” ou “That don’t Impress me Much” vendeu cerca de 40 milhões.

10. Led Zeppelin – IV (1971)

Led Zeppelin é considerado um dos monstros sagrados do Rock ‘n’ Roll e da música em geral. A guitarra de Jimmy Page, a inconfundível voz de Robert Plant, a irrequieta bateria de John Bohnam e John Paul Jones, o baixista que também fazia a sua vez nas teclas, são idolatrados e imitados por músicos de todo o mundo. Numa extensa discografia venerada por muitos, há uma que se destaca pelas suas vendas: Led Zeppelin IV.  “Black dog”, “Rock and Roll”, “The Battle of Evermore”, Stairway to Heaven” ou “Misty mountain hop” tiveram tal popularidade que levou o disco a vender 37 milhões de unidades.

11. Meat Loaf – Bat Out of Hell (1977)

“Bat Out of Hell” é o segundo álbum do cantor Meat Loaf, do escritor Jim Steinman e do produtor Todd Rundgren. Até 2007 vendeu cerca de 34 milhões de copias.

12. Pink Floyd – The Wall (1979)

Roger Waters e David Gilmour perpetuaram este disco duplo conceptual que vendeu 33 milhões de cópias e que retrata a vida de uma traumatizada estrela fictícia de rock chamada Pink, baseada nas vivências de Waters. Considerado um dos discos mais comerciais da discografias dos Pink Floyd, é, por sua vez, um dos mais apreciados. Quem não conhece a “Another Brick on the Wall”?

13. Alanis Morisette – Jagged Little Pill (1995)

Foi o “Jagged Little Pill” que deu popularidade a Alanis Morisette. “You oughta know” e outras canções como “Ironic” ou “You Learn” valeram as 32 milhões de cópias vendidas à cantautora canadiana. De momento, Morisette está a trabalhar em canções baseadas neste disco, que vão estrear na Broadway em breve.

14. The Beatles – Sgt. Peppers Lonely Heart’s Club Band (1967)

John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Star não podiam faltar nesta lista. E aparecem representados por um dos seus discos mais influentes: Sgt. Peppers Lonely Heart Club Band. Desde a psicadélica “Lucy in the Sky with Diamonds”, passando pela “A day in the life”, até à “With a Little Help from My Friends” cantada pelo baterista Ringo. 32 milhões de unidades vendidas para um dos discos mais celebrados da discografia do famoso quarteto de Liverpool.

15. The Eagles – Hotel California (1976)

https://www.youtube.com/watch?v=Yyy4yaVwsv0

À semelhança dos Pink Floyd, os Eagles têm dois discos neste top 15. Após o Best Of 1971-1975, também o disco da popular “Hotel Califórnia” e da “New Kid in Town” lucrou: 32 milhões de cópias.

Texto editado por Filomena Martins.