No teto, tem uma piscina. Como paredes, a falésia. A vista é, no mínimo, desafogada, mas desaconselhada a quem tem vertigens. Se um dia esta casa construída numa montanha na ilha grega de Rodes for colocada à venda, a descrição vai despertar muita curiosidade. O novo projeto da OPA – Open Platform for Architecture está a colher elogios no mundo da arquitetura.

Chama-se “Casa Brutale” e o nome faz jus ao projeto. A propriedade camaleónica foi feita a pedido de um cliente preocupado com o impacto que iria ter na paisagem do Mar Egeu (e, provavelmente, à procura de paz e sossego). A casa fica literalmente dentro da falésia.

casa-brutale3

©OPA

O quarto tem vista para o mar e os reflexos da piscina envidraçada que fica no teto da casa. Há luz natural por todo o lado.

casa-brutale5

©OPA

Quando o proprietário se fartar da piscina, pode tentar explorar as redondezas percorrendo os 50 degraus até à entrada. Também existe um elevador à disposição. O mar é que fica mais longe.

casa-brutale2

©OPA

Ou pode, simplesmente, ficar a admirar as águas do Mar Egeu dentro do conforto do lar. Lareira incluída.

casa-brutale4

©OPA

Tão minimalista como desafiante, a “Casa Brutale” “redefine a coexistência harmoniosa entre os humanos e a natureza”, escreve o OPA, na sua página oficial.