As ações do Twitter estiveram a disparar 8,5% na bolsa de Nova Iorque esta terça-feira, quando começou a circular uma notícia da agência Bloomberg que dizia que a empresa estaria prestes a ser comprada por 31 mil milhões de dólares. Previsivelmente, tendo em conta que a empresa vale 24 mil milhões na bolsa, a subida das ações foi intensa. Até ao momento em que um editor da Bloomberg veio esclarecer que a notícia era, afinal, forjada.

Twitter attracts suitors“. Estas três singelas palavras, expostas num site em tudo semelhante ao aspeto gráfico da agência Bloomberg, fizeram as ações do Twitter disparar até aos 38,82 dólares por título.

CaptureUma diferença crucial: o endereço não pertencia ao domínio web da Bloomberg (www.bloomberg.com), mas, sim, a um endereço www.bloomberg.market. Trata-se de um domínio registado na semana passada no Panamá, de acordo com informação do WHOis.net.

As autoridades bolsistas irão, provavelmente, investigar este incidente. Isto porque a subida abrupta dos títulos terá criado uma oportunidade de manipulação de mercado.

Twitter sobe 8,5% e volta ao normal

TWTR US Equity (Twitter Inc) 1 D 2015-07-14 17-45-42

O gráfico intradiário das ações do Twitter mostra a forte subida dos títulos quando a notícia falsa se disseminou. Fonte: Bloomberg

A subida das ações intensificou-se quando um jornalista da CNBC partilhou a notícia.

https://twitter.com/carlquintanilla/status/620981234269859840

Depois de Carl Quintanilla reparar em alguns erros gramaticais no texto, um editor da Bloomberg veio, então, indicar que se tratava de uma notícia falsa.

Qual é a lição a retirar?

https://twitter.com/carlquintanilla/status/620994223899324416